Decisão

STF mantém regra que permite remuneração de presos em 3/4 do salário mínimo

Para a maioria do Supremo, o trabalho do preso apresenta peculiaridades, e a remuneração diferenciada não viola os princípios da dignidade humana e da isonomia.

Por - Publicado em 8 mar de 2021, às 12:01 - Atualizado em 8 mar de 2021, às 12:01
STF mantém regra que permite remuneração de presos em 3/4 do salário mínimo
Vacinação de presos é um tema polêmico. Foto: Canal Ciências Criminais