Justiça

Gilmar Mendes arquiva inquérito que apurava suposto caixa 2 do ministro de Bolsonaro

Na época, Rogério Marinho declarou que pagou R$ 499 mil a uma empresa para prestação de serviços de comunicação em sua campanha. No entanto, apurações da PF revelaram indícios de até R$ 1,9 milhão.

Por - Publicado em 25 fev de 2021, às 13:32 - Atualizado em 25 fev de 2021, às 13:32
Gilmar Mendes arquiva inquérito que apurava suposto caixa 2 do ministro de Bolsonaro
O ministro do STF, Gilmar Mendes e o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho/ Foto: Divulgação