Opinião

Vice-presidente do PT sobre Luiza Trajano para ser vice de Haddad: “Uma super chapa”

Luiza Trajano ainda não recebeu convite formal para entrar na vida partidária e nega que tenha pretensões eleitorais.

O vice-presidente do PT, Washington Quaquá, disse considerar a união entre o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) e a presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza, Luiza Trajano, como uma boa chapa para concorrer à Presidência da República nas eleições de 2022.

“Acho uma super chapa: Haddad/Luiza Trajano”, resumiu ao jornal o Estado de S. Paulo.

A empresária Luiza Trajano, de 69 anos, presidente do Conselho de Administração da Magazine Luiza, se consolidou como uma voz do meio empresarial com forte influência entre dois dos potenciais candidatos ao Palácio do Planalto em 2022: o apresentador de TV Luciano Huck e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

“Precisamos nos reconectar com o empresariado que tem relação com o mercado interno e com o eleitor de centro, para formar maioria, ganhar e governar”, afirmou o vice-presidente do PT.

Ver mais:

>> Dona do Magazine Luiza reafirma em redes sociais que não será candidata nas eleições de 2022

Um arranjo com uma figura do setor lembra a prática adotada pelo ex-presidente Lula, que teve como vice o empresário José Alencar.

Ao mesmo tempo, por ter um perfil considerado progressista que atrai partidos como PT e PSB, é vista por líderes petistas como o novo nome do “capital” que poderia compor uma chapa presidencial nos moldes da dobradinha eleita em 2002, entre Luiz Inácio Lula da Silva e José Alencar.

Luiza Trajano ainda não recebeu convite formal para entrar na vida partidária e nega que tenha pretensões eleitorais, mas, mesmo assim, viu seu nome entrar com força também no radar das articulações que buscam um(a) “outsider” para a próxima disputa presidencial.

Amiga e interlocutora de Huck e Doria, a empresária mantém uma militância múltipla e intensa. Foi fundadora e lidera simultaneamente os movimentos “Mulheres pelo Brasil”, com bandeiras feministas e “Unidos pela Vacina”, além de atuar no Instituto de Desenvolvimento do Varejo (IDV), entidade que fundou ao lado do empresário Flávio Rocha, da Riachuelo.

A empresária é ainda uma ardorosa defensora das cotas e ganhou destaque na mídia no ano passado ao lançar um programa de trainee no Magazine Luiza exclusivo para negros.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal