Proposta

Vereador sugere fim de tratamento diferenciado para militares na Câmara do Recife

Dilson Batista (Avante) argumenta que gera desigualdade e desconforto a quem visita a Casa de José de Mariano. Vereador, que é PM, foi escolhido para ser o presidente da Comissão de Segurança Cidadã da Câmara.

Nesta segunda-feira, 15 de fevereiro, um requerimento do vereador do Avante Dilson Batista deve ser votado na Câmara Municipal do Recife. A proposta do parlamentar é acabar com a forma de tratamento de pessoas com base em patentes militares dentro da Casa legislativa. De acordo com o autor, o “tratamento diferenciado” gera desigualdade e desconforto a quem visita a Câmara.

Sargento, coronel, capitão e entre outros são os complementos que pessoas ligadas à área de segurança costumam usar desde a sua candidatura ao cargo. O requerimento, que foi protocolado no dia 8 de fevereiro, também defende que os parlamentares que usam as patentes militares deixem de usar também documentos e atividades que envolvem o Poder Legislativo.

Em fevereiro, o parlamentar Dilson Ferreira foi escolhido para ser o presidente da Comissão de Segurança Cidadã da Câmara Municipal da cidade. O vereador responsável pela sugestão é Policial Militar. Além da votação da proposta, a Ordem do dia da Câmara Municipal também está programada o debate de outros assuntos como requerimentos para pavimentação de tuas , limpezas em canais, criação de criação de uma comissão na área da Educação e instalação de lâmpadas na capital pernambucana.

Leia também:
>>>Samuel Salazar assume presidência da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara do Recife

Escolhido

A defesa da integração das forças de segurança pública, o diálogo entre a sociedade e a gestão, além do armamento da guarda municipal. Assuntos defendidos pelos membros da Comissão de Segurança Cidadã da Câmara do Recife, que foi instalada na manhã desta quinta-feira (11).

O vereador Fabiano Ferraz (Avante) conduziu inicialmente os trabalhos, por ser o parlamentar que obteve o maior número de votos dentre os membros do colegiado. Foram eleitos para presidente, o vereador Dilson Batista (Avante) e para vice-presidente, Doduel Varela (PSL).

Além da defesa dos temas, os membros efetivos da Comissão têm em comum uma carreira dedicada a órgãos de segurança pública: Dilson Batista é policial militar, Doduel Varela é policial civil e Fabiano Ferraz é da guarda municipal do Recife. Como suplentes, o grupo conta com os vereadores Almir Fernando (PCdoB), que também é policial civil, e Hélio Guabiraba (PSB).

O presidente da Comissão, Dilson Batista, agradeceu a oportunidade de estar à frente do grupo que considera de suma importância. Ele destacou que o Recife é uma cidade com muitos casos de violência e acredita que o trabalho do colegiado contribuirá positivamente. Destacou, então,  a sua experiência de 16 anos na Polícia Militar.

“O nosso objetivo é dialogar com a Prefeitura e com órgãos da defesa civil, para buscar melhorias para a segurança”, afirmou.

Ele fez questão de ressaltar, ainda, o compromisso demonstrado pelo prefeito João Campos com a área.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal