Livre

Trump é absolvido em processo de impeachment no Senado e segue com seus direitos políticos

Com apoio da maioria dos republicanos, condenação não foi adiante.

O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi absolvido pelos senadores no processo de impeachment movido contra ele. A votação terminou no sábado (13) em 57 votos a favor do impeachment x 43 contra o processo.

Mesmo com a maioria sendo a favor do impeachment do ex-presidente, para ser aprovado, o pedido de destituição tardia precisava contar com o voto de pelo menos 17 republicanos, além dos 50 democratas, uma maioria de dois terços era necessária para condenar o ex-presidente.

A acusação quis chamar a representante republicana Jaime Herrera Beutler para depor, o que adiaria a votação em alguns dias, mas desistiu da convocação em negociação com a defesa.

Em comunicado após o anúncio da absolvição, Trump prometeu “continuar” a defender “a grandeza dos Estados Unidos”.

“Nosso movimento magnífico, histórico e patriótico, Make America Great Again (Faça a América Grande Novamente), acaba de começar”, disse Trump em um comunicado.

Ver mais:

>> Câmara dos Estados Unidos aprova impeachment de Trump

>> Donald sofre novo pedido de impeachment da bancada Democrata

“Nos próximos meses, terei muito a compartilhar com vocês e espero continuar nossa incrível aventura pela grandeza da América” (Estados Unidos), acrescentou.

Caso fosse considerado culpado no julgamento do Senado, os democratas também pediam a cassação dos direitos políticos de Trump, tornando-o inelegível.

“Nenhum presidente foi tratado assim”, enfatizou o ex-presidente dos Estados Unidos, repetindo uma frase que usava regularmente ao longo de seu mandato.

Acusação

Donald Trump foi julgado no Senado por incitar uma insurreição quando discursou a apoiadores em janeiro em frente à Casa Branca. Naquele momento, perto dali, os congressistas oficializavam a vitória do democrata Joe Biden como novo presidente dos EUA.

Logo após o fim do discurso de Donald Trump, uma multidão de apoiadores extremistas do republicano invadiu o Capitólio e interrompeu a sessão. Cinco pessoas morreram na ocasião.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal