Garantia

Bolsonaro diz que 5,4 mil litros de insumo da CoronaVac serão enviados ao Brasil

O chefe da nação brasileira fez uma publicação nas redes sociais com uma foto com o presidente da China, Xi Jinping, tirada em outubro de 2019.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, usou as redes sociais nesta segunda-feira (25), para anunciar o envio de 5,4 mil litros de insumo da CoronaVac ao país. O chefe da nação brasileira disse que os insumos do imunizante chegarão ao Brasil nos próximos dias.

Na publicação, o presidente do Brasil também disse que os insumos de outro imunizante – o da Oxford/AstraZeneca – estão sendo liberados de forma acelerada. Bolsonaro agradeceu a sensibilidade do governo chinês e destacou o empenho dos ministros Ernesto de Araújo e Eduardo Pazuello e Tereza Cristina.

“A Embaixada da China nos informou, pela manhã, que a exportação dos 5400 litros de insumos para a vacina Coronavac foi aprovada e já estão em área aeroportuária para pronto envio ao Brasil, chegando nos próximos dias. Assim também os insumos da vacina Astra-Zeneca que estão com liberação sendo acelerada. Agradeço a sensibilidade do Governo chinês, bem como o empenho dos Ministros @ernesto.araujo.mre , Eduardo Pazuello e @terezacristinams”, publicou o presidente.

Leia também:
>>>Dez milhões de vacinas da Oxford/AstraZeneca devem chegar ao Brasil em fevereiro

Queda

Uma pesquisa da Datafolha divulgada na sexta-feira (22) aponta que a popularidade do presidente Jair Bolsonaro caiu na comparação com levantamento feito no início de dezembro de 2020.

De acordo com o instituto de pesquisa, agora 31% dos brasileiros consideram a gestão Bolsonaro como boa ou ótima; o número antes era de 37%.

A queda de seis pontos percentuais na avaliação positiva do presidente é a maior registrada nominalmente pelo instituto desde o começo do governo Bolsonaro.

Ainda de acordo com a pesquisa, a rejeição ao presidente aumentou. Bolsonaro é considerado como um presidente ruim ou péssimo por 40% da população. No levantamento anterior, 32% dos entrevistados assim o consideravam.

A avaliação de que o governo Bolsonaro é regular caiu de 29% no levantamento anterior para 26%, oscilação dentro da margem de erro da pesquisa que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, segundo o Datafolha.

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal