Brasil

Bolsonaro assina decreto que verifica emissões de carbono na agricultura

Medida deve ser publicada na edição do Diário Oficial da União (DOU) da próxima segunda-feira (25). 

Um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro institui o Sistema Integrado de Informações do Plano Setorial para Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (SIN-ABC), bem como o Comitê Técnico de Acompanhamento do Plano Setorial para Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (CTABC). A medida deve ser publicada na edição do Diário Oficial da União (DOU) da próxima segunda-feira (25). Bolsonaro, Bolsonaro assina decreto que verifica emissões de carbono na agriculturaBolsonaro, Bolsonaro assina decreto que verifica emissões de carbono na agricultura

Segundo a Secretaria Geral da Presidência da República, o SIN-ABC terá a função de receber e consolidar as informações apresentadas pela Embrapa (Plataforma ABC), pelo Ministério da Agricultura e pelo Banco Central do Brasil (Sistema de Operações do Crédito Rural e do Proagro – Sicor).

Já o colegiado CTABC irá consolidar e sistematizar os dados do SIN-ABC e prestar apoio técnico e científico à Comissão Executiva Nacional do Plano Setorial para Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (CENABC), instituída pelo decreto nº 10.431, de 20 de julho de 2020.

Leia também:
>>>Pesquisa: 53% são contra o impeachment de Bolsonaro, e 42% a favor

“O decreto atende as diretrizes da Lei nº 12.187, de 29 de dezembro de 2009, que instituiu a Política Nacional de Mudanças sobre o Clima (PNMC) e criou os regramentos para implementação do Plano Setorial de Mitigação e de Adaptação às Mudanças Climáticas para Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (Plano ABC)”, informou a pasta.

Ainda de acordo com o governo federal, o protocolo e metodologias de avaliação a serem usados para alimentar o novo sistema seguem os procedimentos de monitoramento das emissões de gases de efeito estufa estabelecidos internacionalmente e com as diretrizes do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima (IPCC).

Agência Brasil 

Recepção

O presidente Jair Bolsonaro viajou, na quinta-feira (21), para Coribe, município na Bahia, onde participou da cerimônia de entrega de parte do lote 4 de obras de adequação da rodovia BR-135. Após a cerimônia, o presidente andou a cavalo e foi exaltado pelo povo.

Durante a cerimônia, o presidente fez um discurso e elogiou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

“No momento também, eu não podia deixar de falar. Tem alguns ministros comigo, mas hoje, a figura mais importante é do Tarcísio (…) Tarcísio de Freitas, que fez o IME [Instituto Militar de Engenharia], depois fez concurso para a Câmara, ficou três anos lá, e depois quis o destino que ele aceitasse trabalhar conosco. Dizer a vocês, do patriotismo desse capitão. Da competência desse engenheiro. E da maneira como ele encara os desafios. Nós, e eu em particular, agradeço e muito por ele existir e por estar ao nosso lado em qualquer lugar do Brasil”, apontou.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal