Comparecimento

Mourão irá ao sepultamento do general Geraldo Miotto, morto pela Covid-19

O vice-presidente vai até o Rio Grande do Sul acompanhar o velório e enterro do Ex-comandante do Comando Militar do Sul (CMS).

O vice-presidente Hamilton Mourão tem previsão de chegar hoje, 21 de janeiro, ao aeroporto de Caxias do Sul por volta das 11h20, e vai se deslocar de carro até São Marcos, na serra gaúcha, onde acompanhará o velório e o sepultamento do general Geraldo Miotto, morto pela Covid-19 na quarta-feira, 20 de janeiro.

Em uma rede social, Mourão lamentou a morte do amigo

“Lamento profundamente o falecimento do meu amigo e companheiro de várias jornadas, Gen Miotto. Grande líder, exemplar marido e carinhoso pai, deixa saudades e um legado de trabalho e profissionalismo em prol do Brasil. Meus sentimentos à família e amigos”, afirmou.

Hospitalizado desde 1° de dezembro, no Hospital Militar de Área de Porto Alegre, o general do exército Geraldo Antônio Miotto teve que ser transferido para o Centro de Tratamento Intensivo do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), onde veio a falecer na quarta, 20 de janeiro, por volta das 18h30.

Miotto nasceu em 20 de março de 1955, em São Marcos, na serra gaúcha. O general ingressou no Exército Brasileiro em 28 de fevereiro de 1972, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas, em São Paulo.

Em 1975, seguiu para a Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) onde, em 14 de dezembro de 1978, foi declarado Aspirante-a-Oficial da Arma de Cavalaria, sendo o primeiro colocado de sua turma e recebendo a Medalha Marechal Hermes de bronze.

Como membro do Alto Comando do Exército, ocupou os cargos de Comandante Militar da Amazônia, entre 2016 e 2018, e comandante militar do Sul até abril do ano passado, quando passou o comando para o general Valério Stumpf Trindade e foi para a reserva.

Leia mais : 

Mourão se recuperou da doença

No dia 8 de janeiro de 2021, o vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, recebeu alta médica, após se recuperar da Covid-19. A informação foi divulgada pelo Palácio do Planalto. De acordo com informações, Mourão ficou em isolamento social por conta da doença durante 14 dias.

Na época do isolamento social, a sua esposa, Paula Mourão, também ficou em quarentena por 14 dias.

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal