Imunizante

Técnica de enfermagem é a primeira petrolinense a receber a vacina da Covid-19

Junto com as profissionais de enfermagem serão vacinados, nessas primeiras semanas, mais de 2.500 trabalhadores da saúde envolvidos diretamente no enfrentamento ao vírus.

A técnica em enfermagem Edneide Souza, atuante durante toda a pandemia na linha de frente no combate ao coronavírus, foi a primeira petrolinense a receber a vacina da Covid-19. 

A escolha da profissional foi uma homenagem a todos os trabalhadores de saúde para marcar o início da imunização na capital do Sertão do São Francisco, na tarde desta terça-feira, 19 de janeiro.

Edneide Souza, 42 anos, dedica-se à enfermagem há mais de duas décadas. Atualmente, a técnica trabalha no hospital de campanha municipal, cuidando de pacientes com covid-19.

Técnica de enfermagem do hospital de campanha é a primeira a receber vacina contra a Covid-19 em Petrolina.
Técnica de enfermagem do hospital de campanha é a primeira a receber vacina contra a Covid-19 em Petrolina. Foto: Jonas Santos

Além de Edneide, foram vacinadas no ato simbólico a enfermeira da atenção básica Andrea Formiga e a técnica de enfermagem Joana Cariri, ambas também atuam na linha de frente contra o coronavírus e são da rede municipal.

Junto com as profissionais de enfermagem serão vacinados, nessas primeiras semanas, mais de 2.500 trabalhadores da saúde envolvidos diretamente no enfrentamento ao vírus.

Leia também:
>>> Petrolina recebe primeiro lote de vacinas contra Covid-19 nesta terça (19)

Também serão imunizados idosos atendidos em abrigos e outros serviços de longa permanência. Com isso, Petrolina aplicará as 8.506 doses que foram enviadas pelo Governo Federal no primeiro lote.

Emocionado no primeiro dia de imunização, o prefeito Miguel Coelho agradeceu a dedicação dos profissionais de saúde, ressaltou a necessidade da população acreditar na vacina e manter os protocolos de prevenção à covid-19.

“Não tem como chegar nesse dia e não lembrar dos que perderam as vidas nessa pandemia. Então, apesar da grande esperança que chega com a vacina, continuamos enfrentando um momento muito doloroso. Por isso, expresso minha gratidão a todos os profissionais que estão nessa luta e clamo à população para acreditar na vacina e continuar se protegendo. Vamos juntos superar essa pandemia e ter dias melhores em Petrolina e em todo o Brasil”, falou o prefeito sertanejo.

Petrolina perdeu 166 vidas para a covid-19. Ainda assim, a cidade sertaneja é a que tem a menor mortalidade por coronavírus entre todos os municípios com mais de 200 mil habitantes no Nordeste. A meta da equipe de saúde de Petrolina agora é concluir a aplicação das 8.506 doses em duas semanas.

Da redação do Portal com informações da Prefeitura de Petrolina

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal