Excluído

Twitter bloqueia permanentemente a conta de Donald Trump

Na mesma semana o presidente dos EUA já tinha sido expulso das redes sociais Facebook e Instagram. No Twitter, Trump tinha 88,7 milhões de seguidores.

O Twitter anunciou na sexta-feira, 8 de janeiro, que bloqueou permanentemente a conta do ainda presidente norte-americano, Donald Trump, “devido ao risco de mais incitação de violência”. A informação foi confirmada pela plataforma, que informou ter feito “revisão das postagens de Trump e de seus contextos”.

A conta de Trump tem 88,7 milhões de seguidores. Agora, ao entrarem no endereço que pertenceu a ele, esses seguidores encontram uma página vazia. Veja:

Donald Trump
Imagem do perfil da conta de Donal Trump no Twitter. Imagem: Reprodução

“No contexto de eventos horríveis nesta semana, deixamos claro na quarta-feira que violações adicionais das Regras do Twitter potencialmente resultariam nesta ação”, diz o texto postado em inglês pelo Twitter. A frase se refere à invasão do Capitólio dos EUA por militantes trumpistas e ao bloqueio temporário que a conta do presidente já havia sofrido.

“Há anos deixamos claro que contas de líderes políticos não estão acima de nossas regras e o Twitter não pode ser usado para incitar a violência”, diz ainda o texto, que traz exemplos de postagens de Trump que teriam descumprido as regras da empresa.

Donald Trump, foi banido de outras redes sociais como Facebook e Instagram sem motivos pré-definidos. A exclusão das redes sociais aconteceu um dia depois de apoiadores do chefe da nação invadirem a sede de Congresso americano, na última quarta-feira, 6 de janeiro.

Da redação do Portal com informações do Metrópoles 

Leia também: 
>>> Presidente Donald Trump é banido do Facebook e do Instagram

Manifestação

Nos Estados Unidos da América, O Capitólio foi invadido na tarde desta quarta-feira (6) por manifestantes que apoiam o presidente Donald Trump. O Congresso americano, que estava em sessão para certificar a vitória de Joe Biden na eleição presidencial, entrou em recesso inesperadamente. A sessão não deve ser retomada.

De acordo com informações da CNN, o vice-presidente Mike Pence, que estava no local, foi retirado. O plenário da Casa está sendo desocupado e os parlamentares receberam máscaras de gás para deixarem o prédio. Mais cedo, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, publicou nas redes sociais um apelo a população para que permaneçam na paz e sem violência.

“Estou pedindo a todos no Capitólio dos EUA que permaneçam em paz. Sem violência! Lembre-se, NÓS somos o Partido da Lei e da Ordem – respeite a Lei e nossos grandes homens e mulheres em Azul. Obrigado!”, disse Trump.

 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal