Prevenção

Prefeitura do Recife reforça orientação e prevenção da covid-19 na praia

Cerca de 150 profissionais participaram da ação educativa voltada para frequentadores e comerciantes, entre arte-educadores, orientadores, profissionais da vigilância Sanitária e outros.

Neste sábado (9), cerca de 150 profissionais da Prefeitura do Recife iniciaram reforço nas ações de orientação e conscientização na orla da cidade em relação ao cumprimento das medidas e protocolos contra o novo coronavírus. O trabalho conjunto entre as secretarias da PCR aconteceu nas orlas de Boa Viagem, Pina e Brasília Teimosa, na Zona Sul do município e foi motivado pela procura intensa da praia neste mês de janeiro e a necessidade de garantir o convívio seguro nesses espaços.

Durante a ação, os profissionais da Prefeitura observaram o uso de máscara pelos comerciantes; se cada barraca está com a quantidade exata de cadeiras permitida; se há distanciamento adequado; entre outras medidas. Além das orientações passadas pelos arte-educadores e inspetores aos barraqueiros e banhistas, o trabalho também contou com distribuição de 4 mil máscaras e material informativo sobre os cuidados via QR Code, para evitar o contato físico da panfletagem.

“Com o passar do tempo, existe uma tendência de relaxamento em relação aos cuidados. Então, essa ação é para que não só os comerciantes, mas todas as pessoas, entendam que a pandemia não acabou e que é muito importante manter e levar a sério as medidas preventivas de combate ao coronavírus, mesmo nos momentos de lazer, como na praia”, afirma a gerente da Vigilância Sanitária do Recife, Daniele Feitosa.

Prefeitura do Recife, Prefeitura do Recife reforça orientação e prevenção da covid-19 na praia

Seu Júnior Leite trabalha como barraqueiro há 30 anos no Posto 2 da Avenida Boa Viagem e considera importante o trabalho do poder público, para que todo mundo continue atento às regras de convivência da pandemia.

“Essa orientação ajuda a deixar a minha barraca nos conformes, tudo certinho. Tinha um guarda-sol no lugar errado, mas a Vigilância me orientou e eu rapidamente coloquei na distância correta. Também gostei de receber o QR Code, porque quando é distribuída informação no papel, o povo joga fora e a visualização se perde. Desse jeito fica mais fácil”, disse o dono da Barraca do Jota.

O trabalho de conscientização, que continua neste domingo (10), é realizado por profissionais da Vigilância Sanitária (Visa) da Secretaria de Saúde; das Secretarias de Turismo e Lazer; Política Urbana e Licenciamento; Governo; além do Gabinete de Comunicação, Guarda Municipal e Polícia Militar de Pernambuco. Eles atuam em quatro trechos distintos definidos pela Diretoria de Controle Urbano (Dircon) e circulam tanto pelo calçadão como pela faixa de areia, orientando os banhistas e os cerca de dois mil trabalhadores da praia cadastrados na Dircon.  Durante todo o ano de 2020, foram realizadas quase 7 mil inspeções nos quiosques, barracas padronizadas e comércio ambulante das praias.

Prefeitura do Recife
A Ação aconteceu nas orlas de Boa Viagem, Pina e Brasília Teimosa, na Zona Sul do município. Fotos: Marcos Pastich

CAMPANHA – Nos próximos sábados e domingos, entre 10h e 14h, serão realizadas ações em toda a orla do Recife através de uma campanha de cunho educativo. Elaborada pelo Gabinete de Comunicação da Prefeitura, a ação promocional irá promover a sensibilização de banhistas e turistas através de promotores de mídia externa e arte-educadores. A ação envolve também quiosqueiros, barraqueiros e ambulantes volantes, que receberão adesivos em tamanhos variados com QR Codes. A ideia é que clientes que acessem o QR Code possam ter em mãos as principais mensagens do esforço para o combate à covid-19: a troca de máscara a cada vez que o equipamento de segurança estiver úmido, a distância de 1,5 metro entre os banhistas e a lavagem das mãos ou utilização de álcool em gel sempre que necessário.

Nas barracas, três equipes com quatro arte-educadores cada promete causar sensação com performances-surpresa. A ação lúdica e leve também irá abordar os cuidados na praia para sensibilizar os demais clientes. A ação também será reforçada no calçadão, onde um total de 20 promotores de mídia externa irão transitar ao longo da orla com sinalizações acerca de cuidados para o esforço no combate à covid.

Veja Mais 

>>>Prefeitura do Recife divulga o início do Janeiro de Grandes Espetáculos

Recife “Janeiro de Grandes Espetáculos”

Com apoio da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura Cidade do Recife, a 27ª edição do evento começa hoje (7), em formato misto, com 13 espetáculos presenciais e 35 virtuais, transmitidos pelo Youtube. Para tempos tão atípicos, o tradicional evento adotou até nova alcunha: JGE Conecta.

Após um ano tão desafiador, de palcos e plateias esvaziados pela pandemia, o Janeiro de Grandes Espetáculos abre o calendário cênico recifense de 2021, semeando bons auspícios já nos primeiros dias deste ano ainda pandêmico.

Entre os teatros que receberão presencialmente o público, o requalificado Teatro do Parque se destaca. Fará seu aguardado retorno à programação cultural regular da cidade recebendo cinco espetáculos da grade do festival, que ocupará ainda as pautas de mais dois teatros mantidos pelo poder público municipal: Santa Isabel e Luiz Mendonça.

Em todos eles, serão respeitadas as normas sanitárias vigentes, referentes à restrição de plateias e ao distanciamento social, determinadas pelo Governo de Pernambuco.

Realizado pela Associação de Produtores de Artes Cênicas de PE (Apacepe), o festival prioriza mais uma vez a produção cultural pernambucana, com o engajamento de artistas do Recife, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Vitória de Santo Antão, Surubim, Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Tabira e Petrolina.

Leia mais: 
>> Geraldo Julio passa comando da Prefeitura do Recife para João Campos

Além disso, subvertendo estes tempos de exceção e restrição sanitária, o Janeiro contará com a inédita participação virtual de companhias do Ceará, Bahia, Brasília, Amapá. Usando a internet como palco, até atrações da Colômbia, Senegal e Eslováquia desembarcam na programação.

“Um projeto que chega à 27ª edição, seguindo firme mesmo em um momento tão duro, mais do que se consolidar no calendário cultural da cidade, demonstra a força da cultura recifense, tão bem representada pelo Janeiro de Grandes Espetáculos. Uma inspiração e uma motivação para o  enfrentamento de cada desafio”, afirma o secretário de Cultura do Recife, Ricardo Mello.

Entre as linguagens contempladas, outra novidade é a estreia das categorias circo e mostra de escolas independentes de teatro, dança e circo, além dos sempre prestigiados teatro adulto e para a infância e juventude, dança e música. O festival também promoverá 14 debates online sobre a arte e seus tantos temas urgentes, discussões e desdobramentos.

“Vivemos um momento em que a grandeza é estarmos vivos, produzindo artes e dialogando com nossos públicos. O grande destaque do festival é o conjunto de sua programação. Utilizamos critérios como qualidade, processo, diálogo entre territórios diferentes, representatividade regional, cultural, de gênero”, pontua José Manoel Sobrinho, gerente de Programação do festival e presidente da Fundação de Cultura Cidade do Recife.

Abertura –  Nesta quinta-feira (7), a programação do JGE Conecta já começa virtual. Gravada no Teatro de Santa Isabel e transmitida online, a partir das 19h30, com acesso gratuito, a abertura renderá homenagem a oito árduos defensores da arte no estado.

Para os demais dias e programações, os ingressos, para apresentações virtuais e presenciais, custam R$ 20 e estão à venda no site Sympla. Algumas das atrações terão acesso gratuito. Todas as informações sobre a programação estão disponíveis no site do festival: www.janeirodegrandesespetaculos.com.

Apresentado pela Prefeitura do Recife, com o patrocínio da Copergás, incentivo do Governo do Estado de Pernambuco através da Lei Aldir Blanc, o 27º Janeiro de Grandes Espetáculos tem apoio da Cia. Editora de Pernambuco (Cepe), Virtual Recife, TV Globo e Fundação Cultural Cabras de Lampião, parceria da TV e Rádio Universitária, Rede Interiorana de Produtores Técnicos e Artistas de Pernambuco (Ripa), Articulação e Movimento para Travestis e Transexuais de Pernambuco (Amotrans), Universidade de Brasília (UNB), SESC Amazonas e Conselho de Artes da Eslováquia.

Com produção geral de Paulo de Castro, produção executiva da Fervo Projetos Culturais, Roda Cultural e Cordas Cênicas, numa realização da Apacepe.tu

Da redação do Portal com informações da Prefeitura do Recife

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal