Candidato

Líder da bancada da bala anuncia candidatura à presidência da Câmara

O deputado Capitão Augusto (PL-SP) vai concorrer na eleição do dia 2 de fevereiro, com Fábio Ramalho (MDB-MG), Baleia Rossi (MDB-SP), Arthur Lira (PP-AL) e André Janones (Avante-MG).

O deputado Capitão Augusto (PL-SP), Coordenador da chamada “bancada da bala”, anunciou que será candidato à presidência da Câmara. O parlamentar deve concorrer, na eleição do dia 2 de fevereiro, com Fábio Ramalho (MDB-MG), Baleia Rossi (MDB-SP), Arthur Lira (PP-AL) e André Janones (Avante-MG), que já se lançaram à disputa.

O capitão reconhece o franco favoritismo de Arthur Lira – apoiado por Bolsonaro – e Baleia, que desponta como um sucessor a Rodrigo Maia – mas confia na sistemática de voto da Casa para obter vantagens na hora da eleição.

“Minhas apostas são mesmo no voto fechado e no voto temático”, explicou o deputado, que conta com o apoio de bancadas religiosas, de defesa da família e de policiais. “Se o voto fosse aberto, nem candidato eu seria.”

Leia também:
Baleia Rossi oficializa candidatura à Presidência da Câmara

Eleição da Câmara 

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), informou na quarta-feira (6), que a eleição para a escolha do novo presidente da Casa será em 2 de fevereiro.

Essa data já circulava como uma possibilidade, mas ainda não havia sido confirmada oficialmente.

O regimento interno da Câmara não define uma data para a eleição da Mesa Diretora no terceiro ano do mandato. Diz somente que tem de acontecer até 2 de fevereiro, data em que os trabalhos legislativos têm de ser retomados após o recesso parlamentar.

Ainda não há, contudo, definição sobre o formato da votação. Isto é, se acontecerá de forma presencial ou de maneira remota, por meio de aplicativo, em razão da pandemia do novo coronavírus. A decisão caberá a Rodrigo Maia. A logística é desafiadora porque são 513 deputados, e a votação é secreta e pode ter dois turnos.

Disputa

Até agora, cinco parlamentares anunciaram que disputarão a sucessão de Maia. O deputado Baleia Rossi conta com o apoio do atual presidente, Rodrigo Maia, e de 11 partidos – – PT, PSL, MDB, PSB, PSDB, DEM, PDT, Cidadania, PV, PCdoB e Rede. Juntas, as siglas somam 261 parlamentares.

Já Arthur Lira, seu principal adversário, tem o apoio de nove siglas – PL, PP, PSD, Republicanos, Solidariedade, Pros, Patriota, PSC e Avante. Os partidos reúnem 196 parlamentares. Lira também é apoiado nos bastidores pelo presidente da República, Jair Bolsonaro.

Como a votação é secreta, pode haver traições dos dois lados. Além de Baleia Rossi e Arthur Lira, correm por fora os deputados Fábio Ramalho (MDB-MG), Capitão Augusto (PL-SP) e André Janones (Avante-MG).

Candidaturas podem ser oficializadas até a reta final. O calendário ainda não foi divulgado, mas, geralmente, o prazo vai até a véspera ou horas antes da eleição.

 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal