Recife

João Campos visita comunidade Irmã Dorothy em primeiro dia útil como prefeito

Gestor assinou portaria determinando garantia de saneamento, drenagem, pavimentação, além de uma Unidade de Saúde de Educação no local.

Nesta segunda-feira, 4 de janeiro, o prefeito João Campos começou seu primeiro dia útil de agenda com uma visita à comunidade Irmã Dorothy, no bairro da Imbiribeira. A comunidade foi a primeira visitada pelo então candidato a prefeito, que se comprometeu a retornar, caso eleito. E ele cumpriu o compromisso assinando uma portaria determinando que a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento realize os estudos técnicos para garantir a regularização e urbanização de toda a comunidade, onde moram cerca de 10 mil pessoas.

O prefeito João Campos relembrou o compromisso que começa a se tornar realidade no primeiro dia útil de sua gestão.

“No primeiro dia de campanha eu vim aqui na Comunidade Irmã Dorothy e firmei esse compromisso. A comunidade da Irmã Dorothy tem mais de 15 anos, aqui moram mais de 10 mil pessoas e é uma comunidade que não tem direito à terra, ao saneamento, ao abastecimento de água, a uma unidade de saúde e a uma unidade educacional. Eu vim aqui porque eu sempre disse que o nosso compromisso é fazer o que falta ser feito no Recife”, declarou.

Leia também:
>>>João Campos diz que sua luta é para que todos tenham o direito de sonhar

A partir da assinatura da Portaria, a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento será responsável por fazer os estudos para garantir a regularização fundiária, com a posse das moradias, além dos projetos para o saneamento, drenagem, pavimentação e a identificação de espaços onde possam ser localizados os equipamentos de Saúde e Educação.

Prefeito João Campos
Prefeito João Campos na comunidade Irmã Dorothy. Foto: Rodolfo Loepert

“Eu vim aqui hoje para dar o pontapé inicial, em que a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento vai conduzir todos os projetos e os estudos para desapropriar a área, fazer o saneamento integrado, construir uma unidade de saúde e uma unidade educacional dentro da comunidade Irmã Dorothy”, enfatizou João Campos.

O secretário de Política Urbana e Licenciamento, Leonardo Bacelar, garantiu que os estudos serão realizados ouvindo a comunidade e respeitando a história de luta dos moradores.

“Hoje foi dado o primeiro passo para o início do estudo, com a presença do prefeito, para a gente começar a fazer todo o levantamento da parte documental. É uma luta grande aqui da comunidade a briga pela moradia. E estamos hoje tentando transformar isso em realidade. Dar garantia à comunidade de ter um título de posse, a propriedade da sua casa, todo dia dormir e acordar sabendo que não vai ter problema algum. É uma luta em conjunto com a comunidade e com outras Secretarias para poder fazer isso acontecer, dar essa qualidade de vida à comunidade e também ouvir o que a essa comunidade quer”, disse, Leonardo Barcelar.

A dona de casa Josefa Fonseca, de 45 anos, é moradora do local desde a sua fundação e não escondia a sua alegria com os anúncios feitos pelo prefeito.

“Que felicidade! Agora temos uma esperança nesse projeto que ele vai fazer em nossa comunidade. E eu vou poder me deitar com a cabeça no travesseiro sem o medo de sair daqui, porque a casa será nossa”, enfatizou.

Da redação do Portal com informações da Prefeitura do Recife

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal