Proposta

Orocó: Aumento de salário de prefeito, vice e secretários é aprovado pela Câmara

A proposta foi aprovado por 6 dos 9 vereadores da Casa. Pedido foi apresentado no dia 15 de dezembro deste ano de 2020.

A Câmara dos vereadores de Orocó aprovou o aumento de salário para o prefeito, vice-prefeito e secretários da gestão. O projeto foi apresentado pela mesa diretora da câmara e colocado em votação sem ter passado por nenhuma das comissões.

Câmara Municipal de Orocó.
Câmara Municipal de Orocó. Foto: Divulgação

A proposta foi aprovado por 6 dos 9 vereadores da Casa. Os vereadores Ismael Lira (SD), Patrício do Projeto (SD) e Valkiria Amando (PP) votaram contra o projeto e protestaram contra a votação pela forma que foi feita e pelo que classificaram de ‘atitude imoral em meio a uma pandemia’.

Alguns relatos demonstraram a revolta da população de Orocó com a notícia que foi recebida com repulsa pelos moradores. Os vereadores também foram acusados de votar em causa própria, já que a maioria desses vereadores tem indicações de secretários.

Documento que pede aumento de salário em Orocó.
Documento que pede aumento de salário em Orocó. Imagem: Divulgação

Eleições

O prefeito eleito Gueber (PT) venceu as eleições municipais com 47,26% (4.562 votos). O vice é Binho de Seu Tonho, do MDB, que tem 34 anos. 

Gueber tem 50 anos, é casado, tem ensino médio completo e declara ao TSE a ocupação de prefeito. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 200.000,00.

Os dois fazem parte da coligação “União Que o Povo Quer”, formada pelos partidos PT e MDB.

Veja o resultado após o fim da apuração.

Gueber (PT): 47,26%
Ismael Lira (Solidariedade): 38,96%
Hugo de Galego de Abílio (PP): 13,79%

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal