Liberdade

Feitosa apresenta PL contra obrigatoriedade de vacina contra Covid-19

Para o parlamentar, a vacinação no estado de Pernambuco tem que ser de livre escolha da população.

Considerando o tempo recorde na produção das vacinas  contra a Covid-19 e o desconhecimento dos seus possíveis riscos, o Coronel Alberto Feitosa, deputado estadual pelo PSC, apresentou um projeto de lei que torna a vacinação no estado de Pernambuco de livre escolha da população.

De acordo com o texto do projeto, vacinas, geralmente, passam por análises pré-clínicas e clínicas, com ensaios feitos antes de serem testados em humanos  e estudos para comprovar suas eficácias.

“Nós entendemos que o novo coronavírus é perigoso, tem um índice de contaminação rápido e que, por isso, existe uma ansiedade quanto a produção de uma vacina. Porém, toda essa pressa também tem causado insegurança na população. Não podemos afirmar que estas vacinas também não ofereçam riscos à vida e à saúde das pessoas”, disse o coronel.

Ver mais: 

>> Coronel Feitosa destina mais de R$ 1,9 milhão em emendas para a saúde

>> Coronel Feitosa assume vice-liderança do grupo da oposição na Alepe

>> Coronel Feitosa reafirma oposição ao PT e PSB e diz que atual gestão mostra “um Recife diferente da realidade”

O parlamentar ainda afirma que obrigar que as pessoas sejam imunizadas é uma grave ameaça à liberdade, como previsto na Constituição Federal.

“Exigir que as pessoas tomem vacinas sem nenhuma comprovação de que vão funcionar é transformá-las em verdadeiras cobaias humanas. Todos têm o direito de escolher se vão passar por isso ou não”.

No projeto de lei também é previsto que, para aqueles que optem por tomar a vacina, seja prioritária a aplicação nas pessoas que fazem parte do grupo de risco.

Da redação do Portal com informações da Assessoria de Alberto Feitosa

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal