Justiça

MP revela investigação sobre possíveis irregularidades com fins eleitorais, no Paulista

Polícia Federal cumpriu busca e apreensão na Secretaria de Educação da cidade para dar prosseguimento as investigações.

O Ministério Público Eleitoral de Paulista autorizou a quebra de sigilo das investigações de um possível esquema de troca de empregos na prefeitura do Paulista, durante a gestão provisória de Jorge Carreiro (PV), por votos em Yves Ribeiro, candidato do MDB, no primeiro turno.

O secretário de Educação, Carlos Júnior, disse ter encontrado no último dia 19, nos computadores da secretaria, listas de nomeações em mais de 120 cargos comissionados, com indicação política de alguns vereadores, ao lado da coluna do Q.I. (quem indica).

Confira o documento aqui.

A lista e as portarias foram entregues ao Ministério Público. Nesta sexta-feira, dia 27 de novembro, a Polícia Federal, para dar prosseguimento as investigações, apreendeu na secretaria de Educação o referido computador indicado pelo secretário, contendo os arquivos que comprovam o uso da máquina e o abuso de poder.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal