Proposta

Presidente argentino envia projeto de legalização do aborto ao Congresso

Alberto Fernández anunciou o envio do projeto por meio de vídeo publicado nas redes sociais.

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, comunicou, nesta terça-feira (17), que enviou ao Congresso, um projeto de lei elaborado pelo governo sobre a legalização do aborto no país. Ele compartilhou a informação nas redes sociais.

A proposta trata da descriminalização do aborto na Argentina, permitindo que o procedimento seja feito no próprio sistema de saúde. No país, a interrupção da gravidez só é liberada em casos de estupro ou quando a gestação apresenta riscos de vida para a mãe.

O presidente frisou que a legalização do aborto salva a vida das mulheres, pois o procedimento quando feito de maneira ilegal, causa impactos na saúde da mulher. Segundo Fernández, por ano, cerca de 38 mil mulheres são internadas em razão de abortos clandestinos. Outras 3 mil mulheres já foram a óbito por recorrerem ao aborto inseguro.

“Sempre foi meu compromisso que o Estado acompanhe todas as gestantes em seus projetos de maternidade, e cuide da vida e da saúde de quem decide interromper a gravidez”, afirmou Fernández em publicação no seu perfil oficial no Twitter. “A criminalização do aborto não serviu para nada, apenas permitiu que os abortos ocorram clandestinamente em números preocupantes”, escreveu o presidente no Twitter.

A proposta agora precisa da aprovação do Legislativo para ser sancionada. Contudo, o projeto divide opiniões na Câmara. De acordo com o portal de notícias argentino Infobae, a proposta tem votos favoráveis de 121 parlamentares contra 106 que não querem que o texto seja aprovado.

“A legalização do aborto salva a vida de mulheres e preserva suas capacidades reprodutivas, muitas vezes afetadas por esses abortos inseguros”, defende Fernández.

Ver mais:

>> Brasil, EUA e mais quatro países assinam declaração contra o aborto e a favor da família

>> Albérisson Carlos celebra acordo de Genebra contra aborto: “Sim à vida”

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com