Eleições 2020

PCdoB reitera apoio a João Campos e crítica Marília Arraes por aliança a bolsonaristas

Nota foi divulgada nesta quarta-feira, 18 de novembro, pelo partido. Segundo turno das eleições municipais está marcado para o dia 29 de novembro.

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) divulgou uma nota, nesta quarta-feira (18), apoiando o candidato a prefeito do Recife pelo PSB, João Campos, no segundo turno das eleições municipais do Recife. No documento divulgado, a sigla também desenvolve uma crítica ao apoio de forças da direita à candidata adversária, Marília Arraes, do partido dos Trabalhadores (PT).

Leia a nota na íntegra:

Vamos completar a vitória!
NOTA DA DIREÇÃO MUNICIPAL DO PCDOB DO RECIFE

O resultado mais importante do primeiro turno das eleições municipais foi a derrota do
bolsonarismo, marcado pelo fracasso nas urnas dos principais candidatos apoiados por
Bolsonaro. Ao seu modo, por múltiplas e variadas escolhas, o povo votou majoritariamente por
quem defende a vida, a ciência e a democracia. Esta derrota da extrema-direita, porém, não
encerra o conturbado momento marcado por uma grave crise econômica e a maior crise
sanitária da história, além de crises políticas fabricadas sucessivamente por um presidente que
não governa a Nação.

O Recife falou bem alto para o Brasil: Viva a vida, a ciência, a democracia, os direitos do povo!
Por isso o PCdoB comemora a eleição de sua bancada de dois vereadores e a passagem de João
Campos e Isabella de Roldão para o segundo turno. Saúda também o fato de que cerca de 60%
dos recifenses votaram nas forças progressistas.

Para a vitória se completar, o PCdoB defende o fortalecimento de uma política de frente ampla
democrática, com a unidade das forças da esquerda e do centro político da sociedade que se
dispõem ao diálogo pelo bem comum e melhoria da vida das pessoas.A Frente Popular liderada
por João Campos representa estes valores.

Agora no segundo turno das eleições, forças de direita representantes do bolsonarismo em
Pernambuco decidem pelo apoio à candidata adversária da Frente Popular. Estes apoios visam
desestruturar o projeto da Frente,abrir caminho para derrotar a esquerda em 2022 e tentar
desmontar a estratégia progressista vitoriosa nos últimos anos.Este é o divisor de águas entre
as duas candidaturas que disputam o segundo turno de nossa capital.

João Campos tem se posicionado de maneira clara e firme contra Bolsonaro, não flerta com
propostas e políticas bolsonaristas, é quem reúne as melhores condições políticas de promover
a aglutinação de amplas forças sociais para governar, requisitos fundamentais a uma boa gestão
no atual cenário. A Frente Popular de Pernambuco e do Recife tem sido a espinha dorsal da
união do povo pelo progresso de nossa cidade, que impede o retorno das forças de direita ao
governo da capital.

O PCdoB influenciou positivamente nessa trajetória. Agora, munido pela garra de sua militância,
de seus vereadores eleitos Almir Fernando e Cida Pedrosa e da destemida chapa que recebeu
32.008 votos, convoca as lideranças populares, a juventude, as personalidades, os trabalhadores
e trabalhadoras desta cidade a realizarem uma ampla mobilização para completar a vitória
popular.

João Campos é a nova liderança dessa frente vitoriosa, é a renovação da política que tem dado
certo para o nosso povo. A unidade é a bandeira da Esperança! João Campos Prefeito!

A Comissão Política do Comitê Municipal do PCdoB.
Recife, 18 de novembro de 2020.

Apoio

Reeleito em primeiro turno com a maior votação nominal do Estado, com 54,26% dos votos, o prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PL), se reuniu no final da tarde da terça-feira, 17 de novembro, com Marília Arraes, e anunciou o apoio a sua candidatura.

Na visão de Anderson, o Recife e Jaboatão são juntas as locomotivas de desenvolvimento da Região Metropolitana, mas nos últimos oito anos o Recife perdeu esse protagonismo.

Para Anderson, a retomada do desenvolvimento econômico no Recife e dos projetos sociais será positivo para todos os municípios da Região Metropolitana (RMR).

“Nosso trabalho tem feito a diferença em Jaboatão, mas é importante que o Recife também volte a fazer a diferença. Só assim a Região Metropolitana do Recife vai conseguir combater os problemas sociais que vêm se acumulando e que causam reflexo para todos”, disse Anderson.

Para Marília, receber o apoio de Anderson é uma importante manifestação.

“Anderson tem feito um grande trabalho em Jaboatão e dado exemplo de como se cuida das pessoas. Tenho certeza de que faremos uma grande parceria e juntos vamos resgatar o desenvolvimento econômico e social dos municípios da Região Metropolitana do Recife”, afirmou Marília.

Armando Monteiro (PTB) anuncia apoio a Marília Arraes na disputa pela prefeitura do Recife

O ex-senador Armando Monteiro (PTB) declarou apoio a candidata do PT, Marília Arraes, no 2º turno das eleições para a prefeitura do Recife. O anúncio foi feito nesta terça-feira (17). Marília está na disputa com o primo, João Campos (PSB).

No primeiro turno, Armando esteve do lado de Mendonça Filho (DEM), que ficou em terceiro lugar na votação.

De acordo com o ex-senador, o objetivo é fazer oposição ao PSB. Para ele, uma hipotética vitória de Marília Arraes representará “uma quebra do grupo do PSB que ao meu ver, não tem mais o que oferecer a Pernambuco”.

Armando acredita que no primeiro turno, “a grande maioria do eleitorado votou em oposição ao PSB e à gestão do PSB no Recife”. A capital pernambucana, bem como o estado, têm gestores do partido socialista.

Ver mais:

>> Partido de Patrícia Domingos decide apoiar Marília Arraes no 2º turno

“Declaro, como cidadão, Armando Monteiro, apoio e voto a Marília Arraes, porque lendo o resultado do Recife, o sentimento dominante e esmagador foi de mudança e de repúdio à atual gestão do PSB no Recife. Tanto é verdade que o candidato oficial teve menos de 30% dos votos. Apoiei Mendonça Filho no primeiro turno, ele se desempenhou de maneira exemplar honrando o nosso conjunto político, recebeu o voto de 200 mil recifenses, não foi para o segundo turno por causa da fragmentação do nosso campo de centro e da direita. Diante disso, temos o candidato oficial e uma candidata que expressa no seu discurso uma posição muito clara de oposição ao PSB e à atual gestão no Recife”, destacou.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com