Eleições 2020

Segundo pesquisa, Raimundo Pimentel deve ser reeleito em Araripina

Números apontam que o atual prefeito da cidade abriu uma frente de 7,3 pontos do adversário Tião do Gesso.

Pesquisa de intenção de voto revela que o prefeito de Araripina, Raimundo Pimentel, tem grandes chances de levar a eleição municipal de 2020. Faltando poucos dias para o pleito, o candidato lidera o levantamento com 48,2% das intenções de voto.

Segundo a pesquisa realizada pelo Instituto Opinião, Raimundo Pimentel abriu uma frente de 7,3 pontos para o atual adversário Tião do Gesso, do partido Solidariedade. Tião aparece com 40,9% das intenções.

Além dos números, o levantamento, realizado entre os dias 30 e 31 de outubro mostrou que 8,6% dos entrevistados da cidade de Araripina responderam que estão indecisos em quem votar e 2,3% dos eleitores consultados disseram que votariam em branco ou nulo.

O primeiro turno das eleições municipais está marcado para o próximo domingo (15), em todas as cidades do Brasil. Este ano, por conta da pandemia do novo coronavírus, o horário de votação foi estendido. Os eleitores poderão ir aos locais de votação exercer o direito das 7h às 17h, respeitando os protocolos de combate à Covid-19. Idosos terão prioridade das 7h às 10h.

Raimundo Pimentel nasceu na cidade Maceió em 1964. Nas eleições municipais de 2016 foi eleito prefeito de Araripina com mais de 18 mil votos. Atualmente, o atual prefeito é filiado ao Partido Social Liberal (PSL).

Leia também:
>>>Eleições 2020: Saiba como é feita a apuração dos votos no Brasil

Eleições 2020

Após os eleitores dos mais de 5,5 mil municípios brasileiros depositarem seus votos nas eleições 2020, no dia 15 de novembro, em poucas horas será possível saber quais candidatos foram eleitos para o legislativo municipal e, no caso das cidades que não há segundo turno, para o executivo municipal. Da mesma forma, também será possível saber quem vai disputar o segundo turno. Toda essa essa agilidade é graças a um pequeno computador: a urna eletrônica.

Adotado no país desde 1996, o chamado sistema eletrônico de votação já é bem conhecido do eleitor. Basicamente ele é composto de dois terminais: um que fica com o mesário e onde é realizada a identificação do eleitor, em alguns terminais por meio da biometria, e a sua liberação para votar. O outro terminal é o terminal do eleitor, onde ele registra o seu voto.

Sigilo

Importante observar que a urna eletrônica grava somente a indicação de que o eleitor já votou. Pelo embaralhamento interno e outros mecanismos de segurança, não há nenhuma possibilidade de se verificar em quais candidatos um eleitor votou, assegurando o sigilo do voto.

Contagem dos votos

Mas o que acontece antes e depois de encerrada a eleição? Como os votos são apurados e transferidos para o cálculo do resultado?

Antes do início da votação, é realizada impressão de uma listagem de todos os candidatos, chamada de zeresíma. A zerésima tem por objetivo demonstrar a inexistência de votos nas urnas eletrônicas de todos os candidatos regularmente registrados.

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal