Equipe

Biden nomeia médica brasileira para integrar força-tarefa contra Covid-19

Presidente eleito nos Estados Unidos anunciou hoje (9) a lista de profissionais que irão atuar no combate à pandemia.

O presidente eleito Joe Biden anunciou, nesta segunda-feira (9), os integrantes da força-tarefa projetada para combater a pandemia do novo coronavírus nos Estados Unidos.

Entre os nomes listados, está a médica brasileira Luciana Borio, especialista em imunização, que já ocupou diversos cargos em órgãos de saúde do governo norte-americano. Ela vive nos EUA desde o fim da década de 80, tendo se formado em medicina na Universidade George Washington, na capital do país, em 1996.

A médica chegou a atuar como cientista do Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de medicamentos do país.

Além dela, o ex-cirurgião-geral Vivek Murthy, o ex-comissário da Food and Drug Administration (FDA), David Kessler, e a médica Marcella Nunez-Smith, professora de Saúde Pública da Universidade de Yale.

O combate à pandemia, inclusive, é a prioridade do governo Biden, que já havia comunicado que iria trabalhar para contornar os impactos causados pelo vírus no país, especialmente os econômicos.

Ver mais:

>> Mourão diz que Bolsonaro reconhecerá vitória de Biden “na hora certa”

Greenwald afirma que percepção da esquerda sobre Biden está errada

O jornalista Glenn Greenwald, um dos fundadores do The Intercept, afirmou que a percepção da esquerda sobre o presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, está ‘completamente errada’. A declaração foi dada ao jornal Folha de S.Paulo.

“Política não é sobre quem você gosta como ser humano. Biden tem 50 anos no poder, e é muito claro o que ele vai defender, qual ideologia vai implementar”, declarou. Segundo Greenwald, Biden não é socialista e não é ‘Lula, não é Evo Morales’ e também “não é contra a guerra”.

O jornalista comentou que Biden “foi o senador democrata mais influente nas questões da guerra [do Iraque]”. “Ele apoiava a invasão do Iraque veementemente. O apoio que ele deu a Bush foi crucial para persuadir outros senadores democrats a votarem a favor da guerra”, acrescentou.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com