Irregularidades

Veja os políticos de Pernambuco que receberam coronavoucher, segundo TCU

Estão presentes nomes de políticos de cidades como Recife, Abreu e Lima, Agrestina, Afrânio, Belo Jardim, Bezerros, Cabo, Caruaru, Jaboatão e Olinda.

Políticos que declararam mais de R$ 300 mil em bens à Justiça Eleitoral, estão na lista do Tribunal de Contas da União (TCU) divulgada, nesta sexta-feira (6), que receberam o Auxílio Emergencial, benefício criado para ajudar a população durante a pandemia do novo coronavírus no Brasil. Dentre os nomes surgem candidatos a prefeito, vice-prefeito e a vereador nas eleições de 2020.

No levantamento, também  estão presentes nomes de políticos pernambucanos de diversas cidades do Grande Recife e do Interior do Estado, como por exemplo, Recife, Abreu e Lima, Agrestina, Afrânio, Belo Jardim, Bezerros, Cabo de Santo Agostinho, Caruaru, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Pesqueira e Petrolina.

Veja aqui a lista completa.

Segundo o site O Antagonista, a decisão de divulgar os nomes dos políticos partiu do ministro Bruno Dantas. O magistrado observa, no entanto, que a responsabilidade pelos dados enviados à Justiça Eleitoral é do próprio candidato e pode ter havido erros em alguns casos.

Auxílio Emergencial

A maioria dos brasileiros que recebem o auxílio emergencial durante a pandemia, usa o benefício para comprar alimentos. É o que revela a pesquisa do Datafolha realizada em 11 e 12 de agosto na Folha de São Paulo.

De acordo com o levantamento que ouviu 2.065 pessoas, cerca de 53% disse que a prioridade é a comida. Em segundo lugar, com 25%, aparecem os beneficiários que usam o dinheiro para pagar as contas; 16% utiliza para ajudar nas despesas da casa; 4% com outras despesas; 1% usa o dinheiro para gastar com remédios, máscaras, álcool em gel e outros utensílios relacionados à saúde.

Para 44% dos consultados, o auxílio emergencial é a única fonte de renda no momento. Enquanto que para 56%, o auxílio não é a única renda.

Dentre os que utilizam o dinheiro para investir em alimentação, 65% são nordestinos. Outros pontos que representam a desigualdade está entre os mais pobres; 61% deles usam o dinheiro para comprar comida.

O auxílio foi distribuído pela primeira vez aos trabalhadores informais em abril e, a princípio, seria de três parcelas. No entanto, foi prorrogado e agora está na quinta parcela.

Irregularidades

A primeira-dama de Santa Maria da Boa Vista, no Sertão do São Francisco pernambucano, está na lista de beneficiários do auxílio emergencial. O blog teve acesso a informações no portal da transparência que mostram que, entre maio e agosto deste ano, Gerlândia Delmondes Ventura recebeu quatro parcelas de R$ 600, totalizando R$ 2.400.

Ela é esposa do prefeito Humberto Mendes (PSB), que disputa a reeleição este ano. Segundo o portal da transparência de Santa Maria da Boa Vista, o salário do gestor é de R$ 18 mil. Além de administrar a cidade, Mendes é auditor fiscal da Fazenda em Pernambuco, cuja remuneração chega a R$ 33.909,56, conforme dados do portal da transparência do Governo do Estado.

Leia também:

>>> Caixa paga auxílio emergencial para brasileiros nascidos em fevereiro
>>> Medidas Provisórias sobre auxílio emergencial têm validade prorrogada

O auxílio emergencial foi criado pelo governo federal para dar proteção emergencial a trabalhadores informais e autônomos no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia. O benefício não é concedido para pessoas que pertencem a famílias com renda superior a R$ 3.135. Justamente por ser casada com o prefeito, Gerlândia Delmondes recebeu indevidamente os valores.

O blog apurou que o casal vive junto desde 2015. Também consta no site da Controladoria-Geral da União que ela teve acesso a recursos do bolsa família de janeiro de 2013 a janeiro de 2017. A quantia total foi de R$ 5.076, o que revela nova irregularidade.

A reportagem procurou a assessoria do prefeito Humberto Mendes para se pronunciar sobre o assunto, mas não obteve resposta até o fechamento desta matéria.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com