Estados Unidos

Trump dispara nas redes sociais: ‘Parem de fraude’

Postagem fez referência a liderança do democrata Joe Biden na apuração das eleições americanas.

Nos Estados Unidos, o presidente Donald Trump, voltou a dizer, nesta quinta-feira (5), que a eleição presidencial do país vem sendo alvo de fraude.

Nas redes sociais, o mandatário norte-americano fez uma postagem com a seguinte mensagem: “Parem a fraude”.

Além disso, Trump também pediu para que a contagem dos votos fosse interrompida. Em seguida, o líder da nação americana também afirmou que vai entrar na Justiça em todos os estados que o seu concorrente ao cargo presidencial, Joe Biden, sair vitorioso.

Até o momento, as eleições americanas seguem sem um vencedor definido, mesmo com a liderança do democrata Joe Biden. Até agora, o democrata lidera a disputa com 264 votos no Colégio Eleitoral, enquanto o republicano e atual presidente do país, Donald Trump tem 214. Os dados são da agência de notícias Associated Press (AP).

Declarações

Durante a semana, Donald Trump declarou vitória na eleição presidencial norte-americana do país, apesar de os resultados ainda não estarem claros e dos milhões de votos ainda não apurados, na ocasião. Enquanto isso, o seu rival, o democrata Joe Biden, manifestou confiança em vencer uma disputa que não estará resolvida até que alguns estados completem a contagem dos votos nas próximas horas ou dias.

“Francamente, nós vencemos esta eleição”, disse Trump ao alegar que venceu em vários estados cruciais onde a apuração ainda estava em andamento.

Leia também:
>> Bolsonaro acredita que Trump será reeleito presidente nos EUA

“Isso é uma fraude contra o povo americano”, afirmou ele, sem apresentar qualquer evidência que respaldasse a alegação. As leis eleitorais dos EUA determinam que todos os votos devem ser contados. Mais votos precisam ser apurados neste ano do que no passado, devido à grande votação por correio em meio à pandemia do novo coronavírus.

No Brasil

Aqui no Brasil o presidente Jair Bolsonaro respondeu a uma apoiadora que afirmou estar “com o coração na mão” por causa da disputa nos Estados Unidos.

“A esperança é a última que morre”, proferiu Bolsonaro.

Em seguida,  o presidente do Brasil, que tem um bom relacionamento com o republicano comentou sobre a apuração:

“Parece que foi judicializado o negócio lá, um Estado ou outro, vamos esperar um pouquinho”.

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal