Recife

Mendonça promete reduzir carga tributária e estimular geração de emprego

As propostas foram feitas durante uma reunião com representantes do Sindicato dos Fazendários do Município do Recife.

O candidato a prefeito do Recife, Mendonça Filho (DEM), apresentou nesta quinta-feira (29) suas propostas de redução da carga tributária paga pelos recifenses e estímulo à geração de emprego e renda, a representantes do Sindicato dos Fazendários do Município do Recife.

“O recifense é o cidadão que mais paga impostos no Norte e Nordeste. Tem gente saindo daqui para abrir comércio na Paraíba. Os comerciantes e micro e pequenos empreendedores são tratados como adversários pela prefeitura do PSB, que não ajuda e ainda atrapalha a vida de quem gera emprego e renda”, declarou.

No encontro, o democrata destacou as dificuldades enfrentadas por quem deseja abrir um pequeno negócio no Recife, principalmente os valores cobrados pela prefeitura. Hoje, qualquer pessoa que deseje empreender na capital pernambucana paga cerca de R$ 3 mil reais somente em taxas e licenças.

Mendonça comparou a abertura de pequenas empresas com Jaboatão dos Guararapes, cujo custo é zero, e relembrou que a gestão de Geraldo Júlio não aplicou a lei de Liberdade Econômica, sancionada em 2019, e que define normas que protegem a livre iniciativa de atividades econômicas e reduz a participação do Estado como agente de intermediação e regularização.

“Vamos criar o Simplifica Recife, uma política de desburocratização para estimular o empreendedorismo e a geração de empregos. Também vamos aderir à lei de Liberdade Econômica, que possibilita que pequenos empreendedores entrem na formalidade sem pagar caro à prefeitura. E, por fim, faremos a revisão da legislação tributária para que o Recifense pague menos impostos, principalmente os recifenses mais pobres. Nossa agenda de compromissos se assemelha à do Sindicato dos Fazendários no sentido de fazer a economia do Recife crescer”, atestou Mendonça.

Ver mais:

>> Mendonça cobra da Delegada Patrícia que assuma que foi preconceituosa contra o recifense e não esconda o passado apagando postagens

>> Após ataques de Daniel, grupos de Direita reafirmam apoio a Mendonça

>> Durante guia, Mendonça lembra postagens de Patrícia Domingos que polemizaram

“O Recife precisa de boa gestão para resgatar a cidade aos recifenses”, completou, citando a proposta de congelamento do IPTU e da Taxa de Lixo (TRSD) por dois anos, a suspensão de reavaliações tributárias imobiliárias e a revisão da legislação tributária.

“É uma proposta inédita e elaborada com responsabilidade fiscal, sustentação financeira e técnica. Vamos eliminar a lógica punitiva do PSB de sacrificar a população e os empreendedores na cidade com altas taxas e impostos”, pontuou.

Na reunião, diretores do Sindicato dos Fazendários do Recife entregaram ao democrata o documento “Propostas para o Recife melhor: justiça fiscal, crescimento econômico, geração de emprego e renda e eficiência no gasto público”, com sugestões de crescimento econômico para o Recife.

O objetivo é melhorar o ambiente dos negócios com a simplificação das obrigações tributárias, a formalização mais ágil dos micro e pequenos empresários, e a promoção da justiça fiscal nos tributos municipais. A proposta divide-se em dois eixos temáticos, receitas e despesas.

O presidente do sindicato, Fábio Macedo, Fábio Macêdo disse que a proposta serve para auxiliar na estruturação da gestão do próximo prefeito do Recife.

“Estamos à disposição e disponíveis para quaisquer esclarecimentos que se façam necessários durante a transição de governo”, explicou, lembrando que os auditores do tesouro municipal atuam na receita e na despesa em diversos órgãos da administração pública.

Da redação do Portal com informações da Assessoria de Mendonça Filho

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal