Internacional

Em reta final, Donald Trump e Biden levam luta eleitoral à decisiva Flórida

Candidatos visitam a mesma cidade com horas de intervalo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu rival democrata, Joe Biden, falarão a apoiadores nesta quinta-feira (29) no Estado-chave da Flórida, visitando a mesma cidade com horas de intervalo e explicitando suas abordagens contrastantes para a pandemia ressurgente de coronavírus.Donald Trump, Em reta final, Donald Trump e Biden levam luta eleitoral à decisiva FlóridaDonald Trump, Em reta final, Donald Trump e Biden levam luta eleitoral à decisiva Flórida

Pesquisas de opinião mostram Biden com uma vantagem considerável nacionalmente, mas esta dianteira é menor nos Estados cruciais. Uma sondagem Reuters/Ipsos divulgada na quarta-feira apontou que Donald Trump está em um empate virtual com Biden na Flórida — 49% dizem que votarão em Biden e 47% no presidente.

Veja Mais 

>Coronavírus: Trump afirma que a China “vai pagar um alto preço pelo que fez”

Com seus 29 votos eleitorais, o Estado é um grande prêmio na eleição da próxima terça-feira.

Trump realizará um comício ao ar livre em Tampa. Milhares de pessoas se reuniram em comícios recentes do republicano, muitas delas sem máscaras, apesar das recomendações de saúde pública.

Em contraste, o comício que Biden realizará mais tarde em Tampa será no formato de drive-in, no qual os espectadores permanecem em seus carros. Ele tinha um evento semelhante agendado mais cedo no condado de Broward, no sul da Flórida.

A pandemia que causou uma reviravolta na vida de todo o país, matando mais de 227 mil pessoas e tirando milhões de empregos, está voltando com força nas vésperas da eleição.

Nesta semana, Trump refutou diversas vezes a ameaça da pandemia, afirmando que seus rivais e a mídia noticiosa pararão de lhe dar atenção após a eleição, ao mesmo tempo em que líderes da Europa correm para reagir ao ressurgimento da doença naquele continente.

Ultimo Debate 

Em debate das eleições presidenciais na ultima quinta-feira (22) de setembro, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, prometeu disponibilizar a vacina contra a Covid-19 “em questão de semanas”.

O adversário do Partido Democrata, Joe Biden, rebateu dizendo que Trump “não tem um plano claro” e que, portanto, o país está à beira de “um inverno sombrio”.

“Penso (haverá uma vacina) em semanas, e ela será distribuída muito rapidamente (…) Está pronta”, declarou o mandatário.

A moderadora do debate, Kristen Welker questionou o presidente sobre a garantia de que a vacina será distribuída nesse período. Em resposta, Trump reconheceu que não há garantia, mas afirmou que a vacina chegará antes do final do ano e que provavelmente será viabilizada pela marca Johnson & Johnson.

Agência Brasil 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal