Eleições 2020

Mendonça cobra da Delegada Patrícia que assuma que foi preconceituosa contra o recifense e não esconda o passado apagando postagens

Segundo Mendonça, há exemplos recentes no Brasil de pessoas que foram eleitas pregando o discurso de renovação e que, ao chegaram ao poder, mostraram que não tinham nada de novo.

O candidato a prefeito do Recife, Mendonça Filho (DEM), cobrou nesta quarta-feira (28/10) que a Delegada Patrícia assuma as declarações preconceituosas contra o Recife e o povo recifense “Eleição se faz com debate e respeito a todos os candidatos. Agora, quem faz opção pela vida pública tem a obrigação de responder por tudo o que fez e faz, tudo o que diz e o que pensa. Nenhum candidato tem o direito de esconder o seu passado e nem de ficar incomodado porque está sendo cobrado pelos seus atos e suas palavras”, afirmou Mendonça, num vídeo publicado nas suas redes. Mais cedo, após ser atacado pela delegada, Mendonça veiculou na sua propaganda eleitoral um vídeo questionando as ofensas da delegada ao Recife chamando a cidade de Recifilis, numa alusão à uma cidade doente e ao fato de o recifense ser “povo feio, um festival de horrores”.

Segundo Mendonça, o preconceito sulista é evidente contra o recifense, o nordestino. “Ela escreve que o Rio é uma cidade maravilhosa e Recife uma cidade feia, um circo de horrores. Como quer ser prefeita se não assume o que diz, apaga posts no Facebook e não tem coragem de vir a pública pedir desculpa pelo seu preconceito?”, questionou, afirmando que a Delegada devia ser humilde. Mendonça disse que é o povo quem vai decidir se ela merece ou não ser prefeita de uma cidade por quem tem tanto preconceito. “A delegada nasceu e cresceu no Rio, e talvez não saiba o quanto dói o preconceito que nós, nordestinos, sofremos do sul do país. Ela sabe menos ainda o quanto nós gostamos de ser como somos”, disse.

Veja Mais 

>>Durante guia, Mendonça lembra postagens de Patrícia Domingos que polemizaram

Para o democrata, o Recife sabe muito pouco sobre a vida e a história da Delegada Patrícia e, em um momento importante da democracia, as eleições municipais, deve conhecer bem a trajetória política de quem escolheu disputar o comando da prefeitura. Segundo Mendonça, há exemplos recentes no Brasil de pessoas que foram eleitas pregando o discurso de renovação e que, ao chegaram ao poder, mostraram que não tinham nada de novo. Além disso, Mendonça reforçou que para governar o Recife é necessário estar preparado.

“Se não gosta do Recife, não minta, não finja, não engane a nossa gente. O povo tem o direito de saber a verdade de cada candidato. Quem não está pronto pra isso, porque não gosta ou porque não pode, não está pronto para ser prefeito ou prefeita do Recife”, finalizou, reforçando que ninguém é obrigado a gostar do Recife, mas tem que respeitar nossa cidade e nossa gente.

Além das postagens preconceituosas contra o povo do Recife, a Delegada também escreveu que algumas pessoas “só estão vivas porque é ilegal atirar nelas”. Outra postagens preconceituosa contra as empregadas domésticas causou polêmica nas redes sociais. Ao comentar a aprovação da PEC das Domésticas, a Delegada Patrícia escreveu no Face. “Após a PEC das domésticas acho q vou ter q ensinar meus bichanos a abrirem o pote de ração kkkkkk. Excelente texto, vale a pena ler”. Após a repercussão negativa, Patrícia apagou o post.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com