Reconciliação

Ramos sobre Salles: “Uma boa conversa apazigua as diferenças”

Na noite da última quinta-feira (22), Salles chamou Ramos de “Maria Fofoca”, o que causou uma turbulência entre os dois ministros.

O ministro da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, se manifestou outra vez, no domingo (25), sobre a relação com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

Em sua conta pessoal no twitter, ele demonstrou ter recebido bem o pedido de desculpas de Salles e destacou que “uma boa conversa apazigua as diferenças”.

“Uma boa conversa apazigua as diferenças. Intrigas não resolvem nada, muito menos quando envolvem questões relacionadas ao País. Eu e o ministro Ricardo Salles prosseguimos juntos em nome do nosso presidente Jair Bolsonaro e em prol do Brasil Bandeira do Brasil Bandeira do Brasil”, declarou em suas redes sociais.

Ver mais:

>> No STF, Ricardo Salles defende reformulação do Fundo Amazônia

>> Ministro Luiz Eduardo Ramos testa positivo para covid-19

>> ‘Salles agora resolveu destruir o próprio governo’, dispara Maia

da última quinta-feira (22), Salles chamou Ramos de “Maria Fofoca”. Mas, na tarde deste domingo, Salles usou o Twitter para informar que tinha apresentado um pedido de desculpas a Ramos.

“Conversei com o ministro Luiz Ramos, apresentei minhas desculpas pelo excesso e colocamos um ponto final disso. Estamos juntos no governo, pelo presidente Bolsonaro e pelo Brasil. Bom domingo a todos”, escreveu.

Mourão

Questionado sobre o assunto, o vice-presidente, general Hamilton Mourão, declarou que um ministro não pode destratar outro pela internet.

“Assunto ainda por resolver, pois não pode um ministro ofender outro via rede social”, declarou o vice-presidente.

Mesmo após a mensagem de Salles, Mourão voltou a afirmar que o assunto precisa ser resolvido, que essas ofensas não podem ocorrer entre ministros publicamente.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com