Vacina

Bolsonaro manda recado a Doria: “Vacina obrigatória só em cachorro”

A publicação aconteceu em meio à polêmica sobre a vacinação contra a Covid-19 ser obrigatória ou não.

O presidente Jair Bolsonaro divulgou no sábado (24) uma foto em suas redes sociais ao lado de um cachorro com a mensagem “vacina obrigatória aqui só no Faísca”.

A publicação aconteceu em meio à polêmica sobre a vacinação contra a Covid-19 ser obrigatória ou não.

A publicação vem no desfecho de uma semana marcada por embates do Governador de São Paulo João Doria que insiste na compra da vacina chinesa Coronavac e da posição do Governo Federal sobre a política de imunização contra a doença.

Atualmente a doença já fez quase 157 mil óbitos no Brasil. O presidente tem pregado a não obrigatoriedade da vacinação.

Ver mais: 

>> Doria sobre vacina chinesa: “Será a vacina do Brasil”

>> Bolsonaro desiste da Coronavac: “Não compraremos vacina da China”

Doria: “Será a vacina do Brasil”

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), publicou na tarde deste sábado (24), no Twitter, um agradecimento à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pela liberação de importação da vacina chinesa que está sendo produzido no Brasil, conhecida como Coronavac.

“Agradeço a postura coerente e autônoma da Anvisa, ao liberar compra inicial de 6 milhões de doses da Coronavac. Reforçamos a importância da liberação de insumos para a produção das outras 40 milhões de doses. A Coronavac será produzida em SP, no Butantan. Será a vacina do Brasil”, escreveu o governador tucano.

Doria x Bolsonaro

Na quarta-feira (21), Bolsonaro desautorizou o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, a importar a vacina chinesa, decisão anunciada um dia antes, sobre a compra da vacina chinesa. Segundo informações do Poder 360, o mandatário enviou mensagens a ministros sinalizando que não quer mais a vacina.

“Alerto que não compraremos vacina da China, bem como meu governo não mantém diálogo com João Doria sobre covid-19”, decidiu o presidente.

Bolsonaro vem batendo de frente com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em razão do oferecimento da vacina contra o coronavírus. Na semana passada, Doria afirmou que todos os moradores de São Paulo serão obrigados a tomar a vacina. Bolsonaro rebateu que não obrigará os brasileiros a se imunizarem contra o vírus.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com