Investigações

Ex-deputado Silas Bento e seu filho são presos durante operação no Rio

Os dois são investigados por suposto envolvimento em esquema de 'rachadinha' na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Na manhã desta sexta-feira, 23 de outubro, o ex-deputado estadual do Rio de Janeiro Silas Bento e seu filho, o vereador Vanderson Bento, foram presos durante uma operação realizada pelo Ministério Público.

Eles são suspeitos de participarem de um esquema de ‘rachadinha’, que acontece quando funcionários repassam parte dos seus salários aos parlamentares.

Segundo a denúncia do Ministério Público acolhida pela Justiça, o ex-deputado estadual teria pego a maior parte do salário de uma servidora da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) por um período de dois anos.

A funcionária, que era fantasma, informou que recebeu R$ 250 mil nos dois anos, e 80% desse valor foi devolvido ao então deputado. Vanderson Bento era o responsável por recolher o dinheiro.

Leia também:

>>> Suplente de Flordelis é investigado por suposto esquema de ‘rachadinha’
>>> Operação que investiga ‘rachadinha’ na Câmara do Cabo prende três assessores de vereadores

O ex-deputado é réu por associação criminosa, peculato, extorsão e lavagem de dinheiro. Vanderson irá responder pelos mesmos crimes, com exceção para a lavagem de dinheiro.

Na operação realizada nesta sexta-feira, a servidora Taíssa Saldanha Alves também é alvo de mandado de busca e apreensão. Ela é por associação criminosa e lavagem de dinheiro. Por determinação da Vara Criminal, ela deve comparecer mensalmente ao juízo para informar suas atividades, não mantenha contato com Silas e Vanderson, e nem se ausente de Cabo Frio por mais de dez dias.

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal