Cerimônia

Brasília: Bolsonaro participa de encerramento de cursos da PF

Presidente agradeceu os policiais federais que o acompanharam durante a campanha eleitoral, em Juiz de Fora (MG), quando levou uma facada no abdômen.

O presidente Jair Bolsonaro participou, nesta quinta-feira (8), da solenidade de encerramento dos cursos de formação profissional para os cargos de agente, escrivão e papiloscopista de Polícia Federal (PF). O evento aconteceu na Academia Nacional de Polícia, em Brasília.

Brasília: Bolsonaro participa de encerramento de cursos da PF
Evento foi realizado nesta quinta-feira (8). Foto: Marcos Corrêa/PR

Bolsonaro agradeceu novamente os policiais federais que o acompanharam durante a campanha eleitoral, em Juiz de Fora (MG), quando levou uma facada no abdômen, em 6 de setembro de 2018. Além disso, o presidente elogiou o trabalho da corporação no combate à corrupção.

Veja também:
>>>“Acabei com a Lava Jato, porque não tem mais corrupção no governo”, afirma Bolsonaro

>>>Presidente Bolsonaro oficializa indicação de Jorge Oliveira para o TCU

“Um dos efeitos do profícuo trabalho de vocês foi a mudança do status quo da política brasileira. Vocês ajudaram a mudar paradigmas, a mostrar para todos no Brasil que nós temos como ser um país melhor e diferente”, disse aos formandos. “Eu sou a prova viva do trabalho de vocês”, completou.

De acordo com o presidente, ele também “não tem dado motivo” para a Polícia Federal ir atrás dos seus ministros de Estado.

“Eu tenho colaborado com a Polícia Federal ajudando bastante, escolhendo ministros, não por critério político ou por apadrinhamentos, mas por critério de competência”, disse.

Durante seu discurso, Bolsonaro destacou ainda que um novo edital está sendo construído para recompor o efetivo da PF. Segundo ele, serão 2 mil vagas para o concurso que deve ser realizado no ano que vem.

Indicação

O presidente Jair Bolsonaro encaminhou, de forma oficial, a indicação do secretário-geral da Presidência da República, ministro Jorge Oliveira, para uma vaga no Tribunal de Contas da União (TCU). O anúncio foi feito em uma publicação nas redes sociais na tarde desta quarta-feira (7).  

“Encaminhei mensagem para o Senado Federal indicando o major R/1 PMDF, atual Ministro da Secretaria-Geral, Jorge Oliveira, para exercer o cargo de Ministro do Tribunal de Contas da União”, postou Bolsonaro no Twitter.

Agência Brasil

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com