Eleições 2020

Mendonça Filho usará dinheiro de propaganda para levar internet grátis aos alunos da rede municipal do Recife

O candidato garantiu que, em sua gestão, a Prefeitura garantirá a conexão de internet em casa para as famílias com estudantes matriculados no Ensino Fundamental I e II na rede municipal.

Em reunião com mães, pais e empresários de pequenos provedores de bairro, nesta quarta-feira (7), no Alto Santa Teresa, Mendonça Filho afirmou que vai destinar recursos de publicidade da Prefeitura do Recife para investir em educação e acesso à internet gratuita para os alunos da rede municipal de ensino.

“Mesmo depois da pandemia, a internet será fundamental para que os estudantes possam complementar o aprendizado. Dinheiro há: basta cortar a publicidade oficial da Prefeitura. Tirar milhões de reais de propaganda para investir diretamente nos mais de 60 mil alunos do ensino fundamental do Recife”, declarou o candidato a prefeito, pela coligação Recife Acima de Tudo (DEM-PTB-PSDB-PL).

Mendonça Filho garantiu que, em sua gestão, a Prefeitura garantirá a conexão de internet em casa para as famílias com estudantes matriculados no Ensino Fundamental I e II na rede municipal. O projeto garantirá que cada aluno tenha acesso a 10 MB de conexão, usando o serviço de provedores de internet de bairros.

Veja Mais 

>Mendonça diz que vai equilibrar contas e cortar gastos no Recife

Ezequiel Freitas, da Zé Net, que atua no Alto do Refúgio, também na Zona Norte, apontou que o projeto pode dar segurança financeira para esses empreendedores ampliarem seus links de acesso, levando internet mais poderosa para mais pessoas e contratando trabalhadores. Hoje com dez funcionários, ele já pensa em ampliar esse quadro.

Mendonça Filho
Mendonça Filho. Foto: Divulgação

“Temos cerca de 1.200 usuários, mas poderíamos ter mais. Muitos ficaram com dificuldades para pagar as mensalidades, durante a pandemia. Ainda assim, mantemos esses clientes conectados, em solidariedade. É um negócio próximo da população, e temos de entender os problemas financeiros de quem nos procura”, disse.

Gleybson Cosmo de Oliveira, dono da Eiconnect, que atua em três áreas da cidade, quer a ajuda para expandir seu negócio, que emprega seis pessoas, diretamente. Sem falar na possibilidade de formalização do empreendimento, ainda funcionando como Microempreendedor Individual.

“Com recursos garantidos, poderemos nos formalizar, virar empresa de verdade e ainda levar internet para mais lugares, contratando mais funcionários”, afirmou. “Também poderemos contratar tecnologias mais avançadas, um conhecimento que é repassado aos funcionários. Podem surgir até concorrentes.”

Do outro lado, o alívio financeiro de não ter que arcar com conexão à Grande Rede pode fazer com que dinheiro circule pelas comunidades. Foi o que lembrou a moradora do bairro Ana Paula da Silva, que tem dois filhos matriculados no ensino municipal, com 5 e 7 anos. “Gasto perto de R$ 50 por mês com isso. Se não precisar mais, vou comprar outras coisas, como comida e água.”

Da redação do Portal com informações da assessoria do candidato 

Deixe uma resposta

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com