Recife

Recife retoma exames de mama com mamógrafo móvel. Veja os locais de atendimento

Serão oferecidas 1.470 vagas de mamografia para mulheres entre 50 e 69 anos.

Depois de seis meses de pausa em função da pandemia da covid-19, a Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife retoma, a partir desta quarta-feira (30), as atividades do caminhão do mamógrafo móvel. Neste mês, serão oferecidas 1.470 vagas de mamografia para mulheres entre 50 e 69 anos. Também serão realizadas mamografias sem necessidade de encaminhamento ou marcação no Hospital da Mulher do Recife (HMR), em alguns dias do mês.

A volta do serviço marca o mês da campanha Outubro Rosa, que alerta as mulheres sobre a importância de se prevenir contra o câncer de mama. A lista completa dos locais por onde o veículo passará está disponível no site da Prefeitura do Recife (www.recife.pe.gov.br).

A retomada deste serviço está sendo possível graças aos mais de quatro meses de queda sustentada nos indicadores da pandemia. Seguindo as recomendações do Plano de Convivência com a Covid-19, neste primeiro momento, o atendimento das usuárias será feito apenas por horário previamente marcado. Os agendamentos estarão limitados a 60 vagas por dia, sendo 30 pela manhã, das 8h às 12h, e outras 30 à tarde, das 13h30 às 17h.

“Os agentes de saúde farão a busca ativa na comunidade para identificar quais mulheres estão dentro da faixa etária de rastreio e, posteriormente, a equipe da unidade de saúde entrará em contato com as usuárias para marcar a data e horário do exame, como forma de evitar aglomerações nos locais”, explica a coordenadora de Saúde da Mulher do Recife, Mariana Seabra. As mulheres interessadas em fazer o exame também podem ir até a unidade de saúde onde são cadastradas para solicitar o agendamento.

Como medida de proteção, as mulheres que forem fazer a mamografia devem, obrigatoriamente, utilizar máscaras. Nos locais onde o caminhão estará estacionado, será mantido o distanciamento entre as usuárias, além de estarem disponíveis água e sabão ou álcool a 70% para higienização das mãos.

Para fazer o exame, é necessário levar documento de identificação, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e comprovante de residência. O resultado do exame é entregue em até 20 dias na unidade de saúde onde o veículo ficou estacionado ou naquela mais próxima ao local da ação. Quem está fora da faixa etária dos 50 aos 69 anos e precisa fazer a mamografia deve procurar a unidade de saúde de referência para pegar um encaminhamento.

HOSPITAL DA MULHER – Já no Hospital da Mulher do Recife (HMR) Dra. Mercês Pontes Cunha, no Curado, serão realizadas mamografias de forma espontânea, sem necessidade de encaminhamento ou marcação, nos dias 1º, 02, 05, 09, 19 e 23 de outubro. Em cada um dos dias, serão oferecidas 20 vagas (dez pela manhã e dez à tarde). O atendimento acontecerá por ordem de chegada.

Se a mamografia indicar sinal de lesão característica de malignidade, as mulheres serão encaminhadas diretamente para tratamento no Hospital de Câncer de Pernambuco (HCP). Nestes casos, ao buscar o resultado do exame no HMR, a paciente receberá o agendamento com data e horário para atendimento no HCP.

Além disso, o Hospital da Mulher também realizará palestras nas salas de espera do ambulatório e do centro de imagem, além de atividades de incentivo ao exercício físico e ações de valorização da autoestima feminina. Na quinta-feira (1º), a programação contará com a presença da Miss Pernambuco 2020, Guilhermina Montarroyos. Ela participa da campanha Laços do Bem, que faz a doação de lenços para instituições que fazem parte da campanha do Outubro Rosa, como o Hospital da Mulher do Recife.

DADOS – Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o câncer de mama é o mais incidente em mulheres, excetuando-se os casos de pele não melanoma, e representa 25% do total de casos de câncer femininos no mundo. A doença caracteriza-se por ser um tumor resultante da multiplicação de células anormais da mama. Há vários tipos de câncer de mama e alguns evoluem rapidamente; outros não. A maioria dos casos tem boa resposta ao tratamento, principalmente quando diagnosticado no início.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), somente para este ano, no Recife, são previstos mais de 560 novos casos de câncer de mama. Para contribuir com o diagnóstico precoce e evitar o aumento desse número, a Prefeitura do Recife disponibiliza, mensalmente, exames nos mamógrafos móveis, no Hospital da Mulher do Recife e em clínicas conveniadas. Desde 2013, já foram realizados mais de 350 mil exames desse tipo, sendo cerca de 33 mil em 2019. Em 2020, foi registrada uma queda devido à pandemia e, até julho, foram feitos mais de seis mil exames.

Ver mais:

>>Prefeitura do Recife promove qualidade de vida com calçamento de rua e requalificação de escadaria

COMO IDENTIFICAR – As mulheres devem estar atentas às mamas, no dia a dia, para que possam reconhecer suas variações naturais e identificar as alterações suspeitas. Alguns sintomas podem ser nódulo (caroço) fixo, geralmente indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja; alterações no bico do peito (mamilo), saída espontânea de líquido de um dos mamilos e pequenos nódulos no pescoço ou na região das axilas.

Além de realizar periodicamente o exame clínico e a mamografia, adotar hábitos saudáveis, manter o peso corporal adequado, praticar atividade física e evitar o consumo de bebidas alcoólicas ajudam a reduzir o risco de ter a doença. Amamentar também é um fator de proteção.

Locais de atendimento para exame de mama no Recife
Locais de atendimento para exame de mama no Recife. Foto: Prefeitura do Recife

Veja Mais

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com