Economia

João Campos: “A retomada econômica do Recife será acelerada”

Em entrevista à Rádio Folha, o candidato a prefeito da capital pernambucana também falou sobre as propostas e ideias para a Saúde e Educação.

Em entrevista à Rádio Folha FM 96,7, o candidato da Frente Popular à Prefeitura do Recife, deputado federal João Campos (PSB), destacou o compromisso em alavancar o crescimento econômico da capital.

“A pandemia gerou um impacto muito grande não só para a saúde, mas também para o desenvolvimento econômico. (…) Que a gente possa fazer um grande um pacto pelo emprego e pela renda. A retomada econômica do Recife se dará de forma acelerada. Vamos trabalhar com toda a nossa capacidade, fazer um diálogo intenso, que escute as demandas de cada setor, atrair negócios, desburocratizar muita coisa da máquina pública para torná-la mais eficiente”, afirmou o prefeiturável.

João aproveitou a oportunidade para reafirmar a proposta de implantação daquele que, segundo ele, será o maior programa de crédito popular municipal do país.

“Serão linhas de crédito de R$ 3 mil, com taxas de juros reduzidas de 0,99% e prazo de 12 meses para o pagamento, além de quatro meses para começar a pagar”, detalhou.

A meta é realizar aproximadamente 10 mil operações ao ano e a prefeitura pagará a última parcela do tomador de empréstimo que esteja com o seu pagamento em dia. O cidadão que tiver interesse em entrar no programa, poderá participar mesmo que esteja negativado e, quem precisar, terá a ajuda da gestão para se cadastrar como MEI.

João Campos: "A retomada econômica do Recife será acelerada"
João Campos (PSB). Fotos: Rodolfo Loepert

Leia também:
João Campos assume compromisso com o Plano Recife 500 anos
‘Recife não tá pra fake’, ação contra as Fake News lançada pelo candidato João Campos

Ao ser perguntado sobre a viabilidade do programa, o postulante respondeu que o custo para os 4 anos de gestão será de aproximadamente R$ 20 milhões, valor que está dentro do orçamento, e que a PCR fará uma parceria com o Governo de Pernambuco para atuar pela Agência do Trabalho.

O parlamentar explicou que o histórico da Frente Popular lhe credencia para realizar as ações transformadoras no Recife. “Nesta eleição, vocês vão ver muita gente dizendo que todos os problemas serão resolvidos. É fácil falar. Difícil é fazer. E nós temos o que mostrar, sabemos e vamos fazer. Promessa você pode fazer sem ter noção da viabilidade. O que nós temos é projeto”, disse, lembrando a entrega de três grandes hospitais durante as gestões do PSB pelo ex-governador Eduardo Campos.

Sobre as prioridades para a saúde, o parlamentar assumiu o compromisso de fortalecer a atenção básica a partir da consolidação das Upinhas, mas também usando a telemedicina para triagem e consultas, algo que foi iniciado com a pandemia do novo coronavírus.

“A tecnologia vai melhorar o trabalho dos agentes comunitários de saúde e de endemias, que são verdadeiros guerreiros. Vamos também ampliar a quantidade de profissionais e fazer as reformas necessárias nos postos de saúde”, salientou, prometendo um projeto para a área como um todo.

Ao ser questionado a respeito da educação, João lembrou que as gestões do PSB no Recife encontraram a área em situação crítica, mas conseguiram corrigir falhas e fazer a educação básica para os anos finais registrar a maior curva de crescimento do Brasil. Mesmo destacando o avanço, o candidato reconheceu que é preciso enfrentar questões desafiadoras.

“O prefeito Geraldo Júlio cresceu em 31% o número de vagas de creches, só que nós temos que fazer mais. Teremos uma ação robusta para criação de creches e foco prioritário no trabalho para garantir a alfabetização na idade certa”, enfatizou, ao dizer que pretende colocar a educação no pódio do ranking nacional.

Da redação do Portal com informações da assessoria do candidato 

Veja Mais

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com