Combate

João Campos reforça importância de combate à fake news

Na manhã desta terça-feira (29), candidato dialogou com o presidente do TRE-PE e se colocou à disposição para evitar a desinformação.

Cinco dias após de lançar o movimento “Recife não tá pra fake”, o candidato a prefeito pela Frente Popular, João Campos (PSB), ressaltou, em visita à Presidência do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), a importância de fortalecer, junto à Justiça Eleitoral, o combate à disseminação de falsas notícias.

Na manhã desta terça-feira (29), João visitou o presidente da entidade, desembargador Frederico Neves, acompanhado do coordenador jurídico de sua campanha, Lêucio Lemos, e advogados da equipe.

O candidato da Frente Popular lembrou que essa preocupação com a disseminação de inverdades durante o período de eleições já era uma agenda prioritária do Tribunal, que vem mostrando engajado nessa defesa.

“Queremos reforçar com a instituição o nosso compromisso contra as fake. Esse continua sendo um desafio grande. Veio a pandemia,  e essa preocupação é maior ainda. É assertiva a decisão do TRE de colocar esse debate como prioridade. Essa questão preocupa porque é algo covarde e a velocidade de se espalhar uma mentira é muito maior do que a uma boa notícia”, reforçou, em conversa com o desembargador.

Ver mais: 

>> Ipsep: João Campos participa de reunião no bairro

>> João Campos afirma que vai criar maior programa de crédito popular municipal do Brasil

>> João Campos inicia campanha eleitoral na comunidade Irmã Dorothy

Na última sexta-feira, o candidato lançou uma campanha em suas redes sociais exatamente para conscientizar a população sobre a verificação da veracidade de informações. No mês de julho, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) promoveu uma iniciativa com o mesmo intuito, com a mensagem “Se for fake news, não transmita”.

No encontro, o candidato ainda falou que, em virtude da pandemia do novo coronavírus, as campanhas tiveram que se reinventar. Ele citou a importância dos cuidados no contato com o eleitorado, evitando atos que promovam aglomerações, e a necessidade de reforçar o meio digital como instrumento de diálogo com a população.

O candidato também avaliou como positivo o adiamento das eleições a decisão da Justiça Eleitoral de não utilizar a biometria durante o processo. Em Pernambuco, 85% dos eleitores já possuem cadastro biométrico.

Presidente do TRE, Frederico Neves pontuou, durante a visita, a preocupação da entidade com as fakes news e também da busca incansável pelo fortalecimento das instituições.

“A Justiça Eleitoral é a casa da democracia. Estaremos sempre com as portas abertas para todos os candidatos. Aqui no TRE de Pernambuco, cultivamos a ânsia do bem servir, o desejo permanente de fazer o melhor para os eleitores”, disse o presidente.

A visita ainda contou com a presença do diretor do TRE, Orson Lemos, da juíza assessora da presidência, Mariana Vargas.

Da redação do Portal com informações da Assessoria de João Campos

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com