Protesto

Motoristas de ônibus param no Centro do Recife contra acúmulo de função

Protesto surpreendeu usuários que tiveram que terminar o percurso andando. Os trabalhadores pedem para que seja aprovado o PL que proíbe dupla função por motoristas e cobradores.

Usuários de transportes públicos foram surpreendidos na manhã desta segunda-feira (28) por uma paralização feita por motoristas rodoviários contra a dupla função no trabalho. A greve ocorreu com ônibus parados nas principais vias do Centro do Recife.

No ato, eles pedem para que seja aprovado o projeto de lei que proíbe o acúmulo de função de motoristas e cobradores. Durante a pandemia, algumas linhas de ônibus deixaram de circular com cobradores, ficando apenas o motorista encarregado das tarefas de receber e passar troco, além de dirigir.

Na última segunda-feira (21), os motoristas haviam protestado pelo mesmo motivo, além da realocação dos cobradores, que, segundo denúncia apresentada pelo Sindicato dos Rodoviários de Pernambuco ao Ministério Público do Trabalho (MPT), cerca de três mil cobradores foram demitidos. No mesmo dia em que reivindicaram, a proposta foi adiada na Câmara Municipal do Recife por falta de quórum.  O PL deverá voltar à pauta ainda hoje.

O Grande Recife Consórcio de Transporte afirmou, por meio de nota, que não foi comunicado sobre o ato e busca “alternativas para o desvio do itinerário das linhas que passam pela localidade com o objetivo de minimizar os impactos deste protesto para os usuários”.

Ver mais:

>> Frente de Luta pede 100% da frota dos ônibus nas ruas no Grande Recife

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal