Pedido

Pastor Cleiton Collins pede liberação de crianças e idosos nas igrejas

O parlamentar também reforçou o pedido para o aumento percentual de pessoas nos templos religiosos.

O deputado estadual Pastor Cleiton Collins (PP), pediu uma maior flexibilização nas igrejas com o aumento no número de pessoas nos templos religiosos. Outra reinvindicação do parlamentar é a liberação de crianças e idosos para frequentar as igrejas.

Na capital Recife e outras cidades, as igrejas e templos religiosos foram reabertos com 30% de sua capacidade, o que deve acontecer nas cidades do interior.

De acordo com o Plano de Convivência do Estado, idosos, acima de 60 anos e crianças com menos de 10 anos de idade não podem frequentar as igrejas. Na capital Recife e outras cidades, as igrejas e templos religiosos foram reabertos com 30% de sua capacidade, o que deve acontecer nas cidades do interior.

“É preciso aumentar o percentual de fiéis nos templos religiosos. Graças a Deus, nosso Estado está conseguindo abaixar consideravelmente o número de mortes e infectados pela Covid-19. Já podemos aumentar a capacidade e liberar que nossos idosos e crianças voltem a frequentar as igrejas. Seguindo as normas de sanitização para evitar a contaminação do vírus”, explicou o deputado.

Ver mais:

>> Pastor Cleiton Collins comemora reabertura das igrejas no Agreste pernambucano

>> Pastor Cleiton Collins reitera pedido ao governo para retomada das atividades religiosas

>> Cleiton Collins mostra preocupação com o interior do Estado e o aumento de casos de Covid-19

Cleiton Collins ainda afirmou que muitos idosos tem as igrejas como único local de socialização das pessoas e o quanto isso pode contribuir para o bem estar deles. “A igreja é importante para esse grupo de pessoas que estão a tanto tempo isolados dentro de casa. É nos templos que eles encontram na socialização mais um motivo de compartilhar as superações que encontram através de sua fé”, disse.

Para o deputado, o governo “deve orientar, não restringir a ida de idosos e crianças as igrejas”. Segundo o parlamentar, o maior questionamento é “porque esses grupos de pessoas podem ir ao shoppings ou as praias, e não podem ir as igrejas?”, questionou.

“É preciso orientar e ter cuidados como o uso de álcool em gel e de máscaras, com isso, os idosos podem sim ir aos templos e professar sua fé”, concluiu.

Da redação do Portal com informações da Assessoria do deputado Pastor Cleiton Collins

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com