Jaboatão

Em Jaboatão, Centro de Referência Maristela Just completa 10 anos

O nome da unidade faz referência a Maristela Just, assassinada pelo companheiro, José Ramos Lopes Neto, em 1989, preso em 2012 e condenado a 29 anos de prisão.

Por - Publicado em 24 set de 2020, às 11:28
Em Jaboatão, Centro de Referência Maristela Just completa 10 anos
Centro de Referência Maristela Just completa 10 anos no combate à violência contra a mulher/ Foto: Chico Bezerra/PJG