Sertão

PT oficializa candidatura de Odacy Amorim à Prefeitura de Petrolina

A convenção partidária foi realizada no bairro Terras do Sul, e transmitido pelas redes sociais para os filiados da legenda no município e também lançou 28 candidatos a vereador.

O Partido dos Trabalhadores (PT) oficializou na noite da quarta-feira (16) o nome de Odacy Amorim como candidato à prefeitura de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. A convenção partidária foi realizada no bairro Terras do Sul, e transmitido pelas redes sociais para os filiados da legenda no município.

O nome de Vinicius de Santana foi oficializado como vice-prefeito na chapa. Na Coligação ‘Petrolina com o Povo Pra fazer melhor’ estão integrados os partidos: PT, PCdoB, PTC e PMN. A cerimônia lançou também 28 candidatos a vereador.

Odacy Amorim falou sobre a expectativa, após a confirmação de seu nome para concorrer à prefeitura de Petrolina.

“Nós vamos apresentar a Petrolina um projeto que vai cuidar das pessoas , que vai voltar a cuidar das pessoas como cuidamos lá em 2007 e 2008. Com projeto que ele cuida, e ele, empreende, que ele vai garantir que os cidadãos dos bairros não terão um tratamento de segunda classe, nem os cidadãos de áreas irrigadas, nem ribeirinhas, das áreas de sequeiro”.

Perfil

Odacy Amorim tem 48 anos é casado com a deputada estadual Dulci Amorim. Começou a vida pública na presidência da Associação de Desenvolvimento Comunitário de Rajada, distrito de Petrolina. Depois foi eleito vereador, pelo PSB, no pleito de 1992, sendo reeleito em 1996 e 2000.

Em 2004 foi eleito vice-prefeito e assumiu o comando da Prefeitura Municipal em 2006, após a nomeação do então prefeito Fernando Bezerra Coelho para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco. Teve um mandato curto, apenas de dois anos. Após o mandato de prefeito, foi nomeado assessor especial do governador Eduardo Campos.

Em março de 2010, deixou o cargo no governo estadual para se candidatar a uma vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco. Foi eleito e reeleito em 2014. Em 2018, foi candidato a Deputado Federal, ficando na primeira suplência.

Em 2019, foi nomeado presidente do Instituto Agrônomo de Pernambuco (IPA) pelo governador Paulo Câmara. Deixou o cargo no dia 3 de junho de 2020 para disputar a prefeitura de Petrolina.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com