Investimento

Paulo Câmara comemora investimento de R$ 70 milhões em indústria de papel

Com instalação no município de Pombos, a perspectiva é de que sejam gerados 262 empregos diretos no Agreste

Paulo Câmara comemora investimento de R$ 70 milhões em indústria de papel

foto: Heudes Regis/SEI - Data: 14-09-2020 - O Governador Paulo Câmara recebe o empresário Valdecir Roberto Bechel, da OL.

Publicado em 14 de setembro de 2020 - 17:57

Por

O governador Paulo Câmara anunciou, nesta segunda-feira (14), no Palácio do Campo das Princesas, a construção da nova planta da OL Indústria de Papéis, empresa baiana que montará em Pombos, no Agreste, uma filial para produção de fraldas descartáveis, papel higiênico e papel toalha. O investimento é de R$ 70 milhões. expectativa é de gerar 262 empregos diretos no Estado.

“É uma notícia importante diante de um cenário de tantos desafios. Pernambuco continua a manter o ritmo do crescimento atraindo indústrias. A empresa vai gerar centenas de empregos com um investimento de R$ 70 milhões, ajudando na consolidação, não apenas do município de Pombos, mas também de toda aquela região do Agreste. Como polo indutor do desenvolvimento, o Governo de Pernambuco avança nessa pauta de interiorizar as indústrias que chegam aqui ao Estado”, destacou o governador. 

Como contrapartida para atrair o investimento, o Governo de Pernambuco deve conceder, até 2032, o incentivo fiscal de crédito presumido do ICMS, de até 90%.  O percentual é correspondente à redução do saldo devedor do imposto apurado em cada período fiscal, enquadrado nas normas de habilitação do Programa de Estímulo à Indústria – Proind.

foto: Heudes Regis/SEI O Governador Paulo Câmara recebe o empresário Valdecir Roberto Bechel, da OL.

“A gente tem feito um trabalho muito proativo em busca de investimentos para todas as regiões de Pernambuco, indo em busca de empresas e empreendedores, mostrando as oportunidades que o Estado pode oferecer, não só de incentivos fiscais, mas também de mão de obra de infraestrutura”, enfatizou o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach.

Veja Mais 

>> Governandor assina ordem de serviço e anuncia investimento de R$ 2,3 milhões em parque de Gravatá

Com a construção da fábrica, que ficará numa área de 4,18 hectares, a empresa espera reduzir o custo logístico para outras praças do Nordeste, aumentando seu marketshare em Pernambuco e nos demais estados da Região. A OL Papéis possui seis marcas próprias na linha de papéis e fraldas descartáveis (Familiar Soft, Familiar Supremo, VeludVip, Absoluto, Absoluto Decor e Fofura Baby).

Além disso, produz, sob encomenda, para as grandes redes varejistas, como Grupo Big, Sendas (Assaí), Carrefour (Atacadão) e Cencosud (GBarbosa). Em relação aos pontos de venda, a empresa atua junto a supermercados de rede, mercados de bairro, atacadistas e estabelecimentos do tipo “cash andcarry”.

A instalação da unidade em Pernambuco foi por uma questão estratégica de mercado. O Estado é hoje nosso segundo mercado de vendas, após a Bahia. Pernambuco é um mercado muito forte, tem tudo para superar as vendas de lá.Ficamos muito felizes que conseguimos todos os incentivos necessários para a implantação da  indústria e com isso a gente consegue entrar bem competitivo com os produtos dos demais concorrentes”, ressaltou o sócio-diretor da OL Papéis, Valdecir Roberto Bechel.

ATRAÇÃO DE INVESTIMENTOS – Apesar da crise global desencadeada pelo novo coronavírus, de janeiro até julho deste ano, foram aprovados 50 novos projetos de implantação ou expansão de indústrias, centrais de distribuição e importadoras em solo pernambucano. A expectativa é de geração de 4,2 mil vagas de empregos diretos. Todos os empreendimentos passaram pelo crivo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico ou do Conselho Estadual de Políticas Industrial, Comercial e de Serviços (Condic).

O anúncio da implantação do Terminal de Gás Natural Liquefeito, no Porto de Suape, pela Golar Power Brasil, foi o destaque do 1º semestre. A empresa é um dos principais grupos de logística de gás natural liquefeito do mundo e tem planos de investimento de R$ 1,8 bilhão. Para o Recife, foi anunciado o início das obras do Complexo Multiuso Porto Novo Recife, com investimento total de R$ 140 milhões. Em Goiana, o Grupo Sada anunciou a ampliação do terminal logístico e a construção de uma usina solar para geração fotovoltaica. A empresa vai investir R$ 110 milhões.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com