Investigação

Cozinheira de Sérgio Cabral recebeu R$ 1,5 milhão de desvios do Sistema S, diz MPF

A força-tarefa da Operação Lava Jato realiza a operação “E$quema S” contra escritórios de advocacia acusados de desviar pelo menos R$ 151 milhões do Sistema S fluminense, composto por Sesc, Senac e Fecomércio.

Por - Publicado em 10 set de 2020, às 11:54 - Atualizado em 10 set de 2020, às 11:54
Cozinheira de Sérgio Cabral recebeu R$ 1,5 milhão de desvios do Sistema S, diz MPF
Ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, Cabral está preso desde novembro de 2016. Foto: Valter Campanato/Arquivo/Agência Brasil