Manifesto

Mesmo com pandemia, 26º Grito dos Excluídos protestou na ruas do Recife

Basta de miséria, preconceito e repressão! Queremos trabalho, terra, teto e participação. Este foi o tema apresentado por participantes neste ano de 2020.

Mesmo com pandemia, 26º Grito dos Excluídos protestou na ruas do Recife

Realização do 26º Grito dos Excluídos, no Recife. Foto: Divulgação

Publicado em 7 de setembro de 2020 - 21:05

Por

Mesmo com pandemia do novo Coroanavírus, nesta segunda-feira, 7 de setembro, dia que marca o aniversário de 198 anos da Independência do Brasil, aconteceu no Recife o 26º Grito dos/as Excluídos/as. A concentração foi no Parque 13 de maio, às 9h, e seguiu em direção à Praça do Carmo.

Neste ano, o Grito dos/as Excluídos/as apresentou o seguinte tema: Basta de miséria, preconceito e repressão! Queremos trabalho, terra, teto e participação!.

O trajeto contou com três paradas para pautas específicas: Grito pela saúde (Cruzamento da Rua do Hospício com Conde da Boa Vista), Grito contra o racismo e o preconceito (Ponte da Avenida Guararapes) e Grito por políticas públicas e meio ambiente (Praça do Diário).
Mesmo com pandemia, 26º Grito dos Excluídos protestou na ruas do Recife

26º Grito dos Excluídos, no Recife. Foto: Divulgação/Rede Social

No ato, teve protesto contra o governo federal. Segundo manifestantes, o presidente Bolsonaro tem negado direitos e retirado políticas públicas direcionadas ao campo e a cidade.

O 26º Grito dos Excluídos marca também as mais de 120 mil vítimas da pandemia do coronavírus. Além da capital, as mobilizações também foram realizadas em cidades da Zona da Mata, do Agreste e do Sertão.

Pernambuco

Em comemoração ao 198º aniversário da Independência do Brasil, o governador Paulo Câmara comandou, na manhã desta segunda-feira (dia 07), uma cerimônia no Palácio do Campo das Princesas, onde rememorou os valores do 7 de Setembro.

Acompanhado do desembargador Fernando Cerqueira, presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), e do general de Exército Freire Gomes, comandante militar do Nordeste, o chefe do Executivo estadual fez o hasteamento das bandeiras do Brasil, de Pernambuco e da insígnia do Governo.

“É sempre importante termos a oportunidade de homenagear nossa independência. Pernambuco tem tradições libertárias, um povo aguerrido, que sempre busca justiça, um mundo melhor. O símbolo da independência tem valores importantes, que precisam ser preservados e, cada vez mais, estar presentes no dia a dia da nossa população. O 7 de setembro é marcado pela independência e pela busca de liberdade, justiça e do combate à desigualdade pelo nosso povo”, afirmou o governador Paulo Câmara.

 

Veja essas e mais notícias em:

Posts Relacionados




WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com