Encerramento

Maior hospital de campanha do Recife é desativado após último paciente com Covid-19 receber alta

O Hospital Provisório Recife 2, situado no bairro dos Coelhos, havia sido construído em 27 dias para atender vítimas do coronavírus.

Maior hospital de campanha do Recife é desativado após último paciente com Covid-19 receber alta

último paciente com covid-19 teve alta neste domingo (23). Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR.

Publicado em 24 de agosto de 2020 - 09:52

Por

O Hospital Provisório Recife 2, localizado nos Coelhos, no Centro do Recife, encerra suas atividades oficialmente após alta do último paciente com a Covid-19. A unidade foi a maior dentre os sete hospitais provisórios de campanha da prefeitura do Recife e que atendeu pessoas vítimas do coronavírus por quatro meses.

O espaço tinha 8.000 m² de área e chegou a ter 350 leitos ativos , 250 de enfermaria e 100 de UTI. Com o fechamento da unidade, permanecem funcionando 464 leitos, sendo 242 de UTI e 222 de enfermaria, segundo a prefeitura do Recife.

O encerramento das atividades foi possível diante da baixa na ocupação de leitos no hospital. O último paciente a ser tratado na unidade foi o policial militar da reserva Ivan Luiz Monteiro, de 58 anos. Ele esteve internado no Hospital Provisório Recife 2 por 12 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ontem (23), ele recebeu alta.

De acordo com a gestão municipal, cerca de 1.600 pacientes passaram pelo hospital desde o dia 22 de abril.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com