Acatou

Humberto Costa aceita candidatura de Marília no Recife, mas defende campanha sem ataques ao PSB

O senador era um dos defensores da aliança do PT com o PSB. Com a decisão do PT nacional em lançar Marília, Humberto pontuou que será implementada a tática eleitoral a qual a direção nacional definiu.

O senador Humberto Costa (PT) disse que vai cumprir com a decisão do diretório nacional do partido que optou pela candidatura de Marília Arraes. Em entrevista à Folha de Pernambuco, o parlamentar disse que apoia uma campanha sem ataques ao PSB.

O senador era um dos defensores da manutenção da aliança do PT com o PSB, em função da Frente Popular. Nesta semana, ficou decidido que Marília ia ser a candidata pelo PT na prefeitura do Recife, algo que o PT nacional já queria, porém enfrentava divergências com a ala do PT em Pernambuco e no Recife.

“Houve toda essa discussão local e nacional e todo mundo conhece a nossa posição, que seria de preservar a união que hoje existe aqui no Estado com a Frente Popular. No entanto, houve a decisão nacional definitiva. Nesse sentido, o diretório e nós todos vamos cumprir essa decisão. Isso significa implementar a tática eleitoral que ficou definida pela direção nacional do PT. E essa tática diz que nós devemos trabalhar para nacionalizar a disputa eleitoral”, disse o senador.

Humberto destacou a relação que o PT tem com o PSB no estado e por isso, defendeu uma campanha sem embates contra o PSB, para não perder o foco que é o discurso contra a direita. “Nós temos relação de muito tempo com o PSB. Atualmente, nós fazemos parte do governo municipal, então não acho que o centro deve ser o combate ao PSB, até porque se a gente fizer isso nós vamos confundir o nosso discurso com o discurso da direita aqui”, explicou.

 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com