FAB

Caças da Força Aérea Brasileira interceptam em MS duas aeronaves com 1,1 tonelada de cocaína

A primeira equipe a chegar no local foi a Força Tática, com apoio do BPChoque (Batalhão de Choque da Polícia Militar) de Mato Grosso do Sul

Caças da Força Aérea Brasileira interceptam em MS duas aeronaves com 1,1 tonelada de cocaína

Foto montagem/midiamax

Publicado em 2 de agosto de 2020 - 20:19

Por

FAB (Força Aérea Brasileira) interceptou na manhã deste domingo (2), no espaço aéreo de Mato Grosso do Sul, dois aviões que estavam carregados de cocaína, sendo que uma das aeronaves estava transportando 450 quilos de cocaína e a outra tinha 700 quilos da droga. Um dos pilotos ainda tentou fugir dos caças da FAB, mas acabou sendo forçado a pousar e o piloto foi preso.

A primeira aeronave foi interceptada a nordeste de Campo Grande. A aeronave EMB-720 Minuano foi obrigada a pousar em um aeroporto em Rondonópolis no Mato Grosso depois de ser interceptada pelos caças. O piloto foi preso por policiais federais e 450 quilos de cocaína apreendidos. A outra aeronave, modelo b-58 Baron foi interceptado a sudoeste de Campo Grande, sendo obrigado a pousar em Três Lagoas.

O piloto não obedeceu e fugiu fazendo um pouso forçado em Ivinhema,  após o trevo da entrada da cidade de Novo Horizonte do Sul, sentido a Naviraí. A primeira equipe a chegar no local foi a Força Tática, com apoio do BPChoque (Batalhão de Choque da Polícia Militar) de Mato Grosso do Sul e não encontrou nenhum suspeito, mas buscas começaram a ser realizadas com apoio da FAB (Força Aérea Brasileira) e Polícia Federal de Dourados.

Fonte: MidiaMix

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com