Acusação

Allan dos Santos deixa o Brasil e acusa STF de estar articulando um golpe contra o governo

Jornalista fundador do Terça Livre é um dos investigados do inquérito das fake news.

Allan dos Santos deixa o Brasil e acusa STF de estar articulando um golpe contra o governo

Allan dos Santos levantou a suspeita em boletim no Terça Livre. Foto: Reprodução/Alessandro Dantas

Publicado em 31 de julho de 2020 - 13:09

Por

Um dos nomes investigados no inquérito das fake news, Allan dos Santos, blogueiro e fundador do Terça Livre, saiu do Brasil e declarou que o STF está planejando está planejando um “golpe” contra o governo federal. A fala foi dita durante uma live promovida pela deputa Bia Kicis (PSL-DF) nesta quinta-feira (30). Allan também disse que está fora do Brasil, mas não divulgou o país.

Allan está impedido de usar suas redes sociais depois da determinação do STF que mandou suspender os perfis de bolsonaristas em âmbitos nacional e internacional.  “[Luís Roberto] Barroso e Alexandre de Moraes são criminosos e estão preparando um golpe contra o presidente”, afirmou.

Ainda segundo Allan, o STF está agindo de modo “ditatorial”.

“A Suprema Corte brasileira está agindo de maneira ditatorial e também criminal. Já está certo de que existe um voto para cassar o presidente Bolsonaro e ali nós temos o voto já pronto do Fachin, do Barroso e do Alexandre de Moraes, que é quem está censurando as redes sociais.”

Além disso, Allan revelou que Barroso  e Moraes têm informações sobre espionagem no governo brasileiro.  “Descobriram-se 3 maletas de escuta telefônica no Brasil, uma na casa do Kakay, que é advogado do PT. O outro endereça é na embaixada da Coreia do Norte e a outra maleta de escuta está na embaixada do China.”, alegou.

“Se eu estivesse [no Brasil], eu estaria com medo de morrer, essa é a verdade. Porque estamos lidando com criminosos. Eu estou acusando, aqui, agora, o Luís Roberto Barroso de prevaricação. Ele prevaricou. Ele tem uma informação de escuta telefônica vindo de duas embaixadas. Isso é contra qualquer Lei de Segurança Nacional e ele não avisou o presidente da República. Então ele prevaricou”.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com