Atitude

Albérisson Carlos cobra convocação de novos policiais em Pernambuco

Segundo o presidente da ACS, mais de 10 mil vagas precisam ser preenchidas no estado.

Albérisson Carlos cobra convocação de novos policiais em Pernambuco

Albérisson Carlos, presidente da ACS. Foto: Divulgação

Publicado em 24 de julho de 2020 - 13:47

Por

Em entrevista realizada no último dia 15 de julho, o presidente da Associação de Cabos e Soldados do Estado de Pernambuco (ACS-PE), Albérisson Carlos (DEM), falou sobre a necessidade de o Estado de pernambuco convocar novos policiais para integrarem o quadro da ativa das forças militares. Albérisson, que é pré-candidato a vereador do Recife, solicitou que as pessoas que realizaram concurso sejam convocadas.

O presidente da ACS argumentou que o Governo do Estado não tem conversado com nenhuma categoria e lembrou que, por lei, Pernambuco deveria ter mais de 26 mil policiais na ativa. Quase 10 mil vagas deveriam ser preenchidas para o cumprimento da legislação.

“A previsão, pela Lei de Fixação de Efetivo é de que o Estado deveria ter 26.200 homens. Só no cargo de soldado seriam mais de 14 mil pessoas.  A informação que nós temos é que a Polícia Militar de Pernambuco (PM-PE) tem pouco mais de 17 mil policiais ativos, do soldado ao coronel. Nesse caso, a gente tem quase 10 mil vagas que precisam ser preenchidas”, disse

Albérisson disse esperar que, assim que possível, as convocações sejam feitas. Ele afirmou entender que o mundo está vivendo um momento de dificuldade financeira, mas assim que a pandemia passar, os concursados precisam ser convocados.

“A gente espera que o governo faça essa convocação, pois há uma defasagem e uma consequente sobrecarga nos policiais. Para que, além do concurso que já foi feito, sejam chamadas essas pessoas. Já que tem gente preparada e esse concurso tem validade, por que não chamar logo?”, questionou.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com