Fechamento

Crivella fecha 200 leitos para pacientes da Covid-19 por falta de demanda

O prefeito justificou que a demanda vem caindo nas últimas semanas.

O prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella anunciou, durante uma live nesta segunda-feira (20), que irá fechar 200 leitos de enfermaria no Hospital de Campanha do Riocentro, na Zona Oeste da cidade.

Crivella informou que a unidade de saúde temporária continuará recebendo pacientes, mas com a capacidade reduzida.

“O hospital de campanha não vai acabar. Ele tem 500 leitos e nós estamos fechando 200 leitos de enfermaria porque a demanda, graças a Deus, há 40 dias não para de cair. Agora os 100 leitos de UTI, os centros de imagem, cirúrgico e de hemodiálise vão permanecer”, declarou.

O prefeito do Rio também anunciou que os equipamentos compradas para o hospital serão realocados outras unidades de saúde do município.

“Todos os equipamentos vão para os hospitais da nossa rede. Todos esses equipamentos vão deixar nossos hospitais muito mais modernos para atender nossos pacientes”, prometeu.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com