Investigação

PM’s viram alvos de operação contra milícia no Rio de Janeiro

Grupo é acusado de se unir a traficantes para praticar crimes de extorsão, ameaças, agiotagem e tráfico de drogas.

A Polícia Civil e o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, cumprem nesta quinta-feira (9), a Operação Porto Firme, que investiga uma ‘narcomilícia’ em bairros da Zona Oeste do Rio. Nesse primeiro momento foram deflagradas 16 mandados de prisão e 51 de buscas e apreensões. Três agentes da Polícia Militar estão entre os alvos da investigação.

Os mandados foram cumpridos Jacarepaguá, Vargem Grande e Vargem Pequena. Segundo as investigações, a quadrilha é acusada de praticar crimes de extorsão, ameaças, agiotagem e tráfico de drogas. Até agora, foram detidos o cabo Fernando Mendes Alves, conhecido como Biro, Ana Lúcia da Silva Alves, mãe de Gabriel da Silva Alves, o Biel, que é considerado o número três na hierarquia da milícia carioca.

Existe ainda um outro nome que está sendo procurado. É o capitão Leonardo Magalhães Gomes da Silva. Ele é um dos suspeitos de comandar o grupo. Segundo informações do O Globo, Leonardo está lotado na Diretoria Geral de Pessoal, conhecida como ‘geladeira da PM’.

As investigações estão acontecendo desde 2018. Elas apontam que o grupo se uniu a traficantes da região e ao longo desse tempo, vêm praticando os crimes juntos,

Veja Mais

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com