Denúncia

Clientes do PicPay e Nubank reclamam de ‘sumiço’ de dinheiro do Auxílio Emergencial

Segundo o Nubank, o problema teria ocorrido por conta de uma falha no sistema da Caixa . Já o PicPay creditou a falha a instabilidades do aplicativo Caixa TEM.

Alguns clientes do PicPay e do Nubank têm reclamado nas redes sociais que recursos transferidos do Auxílio Emergencial teriam ‘sumido’ de suas contas nessas fintechs.

Isso aconteceu porque os beneficiários do Auxílio Emergencial têm usado esses serviços para ‘driblar’ a restrição imposta pela Caixa para realizar saques e transferências usando o aplicativo Caixa TEM.

A Caixa para evitar a formação de filas nas agências, limitou em um primeiro momento, o uso dos recursos a pagamento de boletos e compras usando o cartão de débito virtual.

De acordo com o Nubank, parte dos clientes que realizou o pagamento de boletos por meio da Caixa Econômica Federal teria recebido em sua conta digital uma quantia superior ao valor correto. Informado pela CEF sobre o erro, o Nubank afirma que comunicou os clientes e estornou os valores de volta à própria Caixa.

A empresa suspendeu a devolução à Caixa, e reverteu os valores de volta aos seus clientes, após várias reclamações. A empresa informou que aguarda esclarecimentos adicionais do banco estatal.

Já o PicPay deu explicação diferente: de acordo com a fintech, por instabilidade do sistema do Caixa TEM, um pequeno percentual das transações entre o aplicativos e o PicPay não é concluído.

“Nesses casos, o usuário deve fazer nova tentativa. Se a Caixa tiver debitado o valor utilizado para a transferência, o estorno deverá ser realizado pelo próprio banco”, disse a empresa em nota.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal