Alepe

Assembleia Legislativa de Pernambuco instala período de autoconvocação extraordinária

Os deputados decidiram pela permanência das atividades no recesso parlamentar – que vai de 1º a 31 de julho –, a fim de que o Parlamento siga deliberando durante o estado de calamidade pública em Pernambuco. 

Com o objetivo de manter o ritmo de trabalho do primeiro semestre, quando apreciou diversas proposições relacionadas à pandemia de Covid-19, a Assembleia Legislativa deu início, nesta segunda (6), ao período de autoconvocação extraordinária. Os deputados decidiram pela permanência das atividades no recesso parlamentar – que vai de 1º a 31 de julho –, a fim de que o Parlamento siga deliberando durante o estado de calamidade pública em Pernambuco.

“Frente aos novos tempos que estamos vivendo, trata-se de mais uma assertiva resposta da Casa de Joaquim Nabuco, que continuará em pleno funcionamento no mês reservado ao recesso”, pontuou o presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PP), no discurso que abriu a Reunião de Instalação do período de autoconvocação.

O aumento no número de contaminados pelo novo coronavírus no Interior do Estado, registrado nas últimas semanas, preocupa o parlamentar. “Essa realidade exige dos Poderes Públicos mais diálogo, responsabilidade e cooperação para o enfrentamento desse inimigo que tanto tem impactado a vida dos pernambucanos”, frisou Medeiros, afirmando que o Poder Legislativo está à disposição da população e dos entes federados no que for necessário.

O presidente explicou que, durante o período de funcionamento extraordinário, por imposição regimental, as proposições em tramitação na Casa serão submetidas ao regime de urgência, o que implica prazos reduzidos para a apreciação.

“Isto não significa qualquer prejuízo aos debates e à construção do diálogo, tão característicos da nossa função parlamentar”, enfatizou.

Medeiros também destacou o elevado espírito público dos 49 deputados da Alepe, “que fazem prevalecer em quase todas as discussões o consenso, mas sem deixar de reconhecer o valor da divergência, quando necessário”. “Desejo a todos um proveitoso trabalho durante a autoconvocação e reitero o compromisso da Mesa Diretora de auxiliar, no que for possível, para o bom funcionamento deste Poder em tempos tão desafiadores”, concluiu.

Da redação do Portal com informações da ALEPE

Comentários estão fechados.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com