Eleições

Moro diz que o Brasil tem “bons nomes” para disputar contra Bolsonaro em 2022

O ex-ministro citou Huck, Doria e Mandetta como bons nomes para disputar a presidência.

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, em entrevista à GloboNews, neste domingo (5),  falou que o Brasil tem bons nomes para disputar a presidência em 2022. Para Moro, Huck, Doria e Mandetta  seriam bons nomes para assumir o cargo de chefe do Executivo Nacional. O ex-juiz evitou responder se será ou não candidato em 2022.

Moro disse ainda o foco deve ser 2020 e o combate ao coronavírus. “Tem o Luciano Huck, o governador de São Paulo, João Doria, o ex-ministro [Luiz Henrique] Mandetta. Eu, sinceramente, acho que o Mandetta fez um bom trabalho no Ministério da Saúde, durante a pandemia, fenomenal (…). Não faltam candidatos, o país tem bons nomes”, disse. Sobre ele próprio ser candidato, Moro disse apenas que quer “continuar participando do debate público. Para tanto, eu não preciso ter 1 cargo, eu posso continuar falando”.

A atuação do Brasil no combate à covid-19 foi um assunto que rendeu críticas por parte do ex-ministro. Para Moro, as fraudes envolvendo desvios de recursos públicos da saúde “são quase como um genocídio”.

“Ver situações que podem envolver desvios de recursos públicos para a compra de equipamentos ou material para salvar vidas, o desvio desse tipo de recurso, não vou dizer que é 1 crime lesa a pátria, é quase 1 crime de genocídio. Você deixar as pessoas ao desamparo, aproveitando a fragilidade e a vulnerabilidade do sistema de controle, ou dessa urgência decorrente da pandemia para ter esse tipo de comportamento. Vejo com grande pesar.”

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal